Japan House São Paulo: visite a casa do Japão no Brasil

A Japan House São Paulo já virou referência na Avenida Paulista. Um ambiente inovador, que veio para combinar duas faces do Japão: as tradições milenares da terra do sol nascente, junto com o Japão do século 21, super tecnológico e moderno.

Quando a gente pensa em Japão, o que imediatamente vem à cabeça é a tradição milenar. Os samurais com suas espadas, as gueixas, a culinária e tantos outros costumes que vêm sobrevivendo aos séculos.

Por outro lado, não dá pra esquecer desse outro Japão, terra da inovação e que já contribuiu tanto para a evolução da humanidade em arquitetura, ciências e muito mais.

Se você é fã da cultura japonesa, precisa visitar a Japan House São Paulo, para conhecer esse ambiente único onde o Japão moderno e o tradicional convivem tão bem.

Encaixe a visita à Japan House no seu roteiro em São Paulo e aproveite a experiência de imersão na cultura japonesa por meio da arquitetura, exposições e workshops, cafeteria e eventos culturais que rolam na Japan House São Paulo!

Reserve seu hotel em São Paulo numa super localização, pertinho da Avenida Paulista!

Japan House: a ideia por trás do projeto

O projeto Japan House é uma iniciativa global do governo japonês, que busca divulgar a cultura japonesa para o mundo.

O grande foco de toda Japan House é criar um ambiente com design inovador e que favoreça a hospitalidade – características pelas quais o Japão é mundialmente conhecido.

E mais: toda Japan House busca combinar o lado moderno e a tradição milenar da cultura japonesa.

A proposta é despertar o sentimento de que o Japão é ‘um país que enriquece o mundo’, atraindo a simpatia e curiosidade de quem visita uma Japan House, para descobrir mais desse país que fica lá do outro lado do mundo.

Onde você pode encontrar uma Japan House?

No projeto inicial da Japan House, foram escolhidas três cidades para abrigar uma sede: São Paulo, Los Angeles e Londres.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista

A ideia era que cada uma dessas casas do Japão servissem como sedes de divulgação da cultura japonesa pelo mundo.

Para cada cidade, foi desenvolvido um projeto específico, de modo que cada Japan House é única, desde o projeto arquitetônico até os elementos da cultura que estão sendo apresentados.

Por isso, aqui não vale o ditado “quem viu um, viu todas”. Bem pelo contrário: conhecer uma Japan House sempre será uma nova experiência  para os visitantes.

A ideia era inaugurar as três unidades da Japan House em 2017, mas alguns projetos tiveram problemas e acabaram atrasando.

Com isso, só a casa de São Paulo foi inaugurada dentro do prazo, em maio de 2017. Melhor pra gente que está aqui no Brasil e já pode visitar esse centro cultural inovador, bem no burburinho da Avenida Paulista.

Japan House São Paulo: o que ver por lá

Você sabia que o Brasil é o país que abriga a maior comunidade japonesa fora do Japão?

E é justamente em São Paulo que a maior parte dos imigrantes e descendentes de japoneses estão concentrados!

Como não lembrar do bairro da Liberdade em São Paulo, com toda tradição oriental nas lojas, restaurantes e até as lanternas japonesas que decoram as ruas?

O Japão tem tudo a ver com o Brasil e essa foi uma das principais razões pelas quais São Paulo foi escolhida como uma das sedes mundiais da Japan House.

E o local da casa ainda foi escolhido com muito carinho: no meio dos centros culturais da Avenida Paulista, uma região que atrai uma multidão de turistas, especialmente durante os finais de semana, quando a avenida é transformada numa grande área de lazer.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista

Na Japan House São Paulo, você sempre pode conferir alguma exposição cultural – trabalhos de alguma forma sempre relacionados com o Japão.

A Japan House São Paulo também acolhe algumas startups (café, restaurantes e lojas), seguindo a máxima da hospitalidade tão tradicional no povo japonês.

Por falar em hospitalidade, a gente se sente muito bem recebido na Japan House.

Além do excelente tratamento das pessoas que acolhem os visitantes, o ambiente também foi todo pensado para nos deixar bem à vontade.

Prepare-se para encontrar uma arquitetura que combina elementos brasileiros e japoneses, como os cobogós na parede que conversam com a cortina de madeira na fachada, produzida por artesãos japoneses!

As várias técnicas aplicadas na obra combinam tradições milenares de construção praticadas no Japão com os elementos brasileiros e métodos mais modernos de execução da obra.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista

A tradição caminha lado a lado com o futuro na Japan House São Paulo, com seus espaços amplos, bastante branco e design inovador.

Dá pra dizer que a própria casa é uma obra de arte – tudo projeto do genial arquiteto japonês Kengo Kuma, conhecido internacionalmente pelo uso de materiais como madeira hinoki e papel em suas obras.

O resultado traz espaços abertos, bem iluminados e acolhedores, como acontece na Japan House São Paulo!

Exposições da Japan House

A ideia central da Japan House é divulgar o Japão de uma maneira surpreendente a cada dia.

Na casa de São Paulo, o intercâmbio cultural Japão – Brasil é uma constante. As exposições nos fazem pensar na arte olhando para o futuro, tendo como pano de fundo a inovação e tecnologia.

Quando visitamos a Japan House (como parte das atividades do I Japão.br), tivemos a oportunidade de realizar um tour guiado pela exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro.

A mostra trazia obras do renomado arquiteto japonês Sou Fujimoto, que afirma que “todo mundo pode imaginar um futuro melhor”.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista: exposição Sou Fujimoto, Futuros do Futuro

A exposição estava dividida em dois momentos, que pareciam passeios por diferentes estados da mente do arquiteto.

No térreo, ele reinventou materiais e apresentou que a arte e a arquitetura pode estar em qualquer lugar, a qualquer momento.

Como num prego em uma madeira ou num folder de uma churrascaria, que são reinventados como marquises, praças, prédios e outras construções.

Quem chega bem perto das obras começa a ver que esses objetos foram convertidos em arquitetura para a vida cotidiana de pequenos bonequinhos. Uma versão miniatura do mundo criativo de Sou.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista. Exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro
Japan House São Paulo, na Avenida Paulista. Exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro

No segundo piso, visitamos maquetes de projetos arquitetônicos de Sou, e algumas fotos que retratavam as obras realizadas pelo mundo.

Os design sempre arrojados e inovadores nos mostravam conexão da arquitetura com o meio ambiente e provocam ao mostrar ambientes sempre muito abertos, iluminados.

Sou parece querer acabar com todas as paredes em suas obras! Menos é mais, sempre!

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista. Exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro
Japan House São Paulo, na Avenida Paulista. Exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro

Aqui a exposição ficou mais técnica, por mostrar obras concretizadas. Mas ao mesmo tempo parece que andamos num mundo de fantasia, numa arquitetura tão diferente da que estamos acostumados por aqui.

Japan House São Paulo, na Avenida Paulista. Exposição Sou Fujimoto: Futuros do Futuro

Como visitar a Japan House São Paulo

O mais legal da visita à Japan House na Avenida Paulista de São Paulo é que a tradição e o futuro do Japão cabem dentro de uma só visita.

A casa sempre recebe novas mostras culturais e você pode conferir o que está em exposição agora na Japan House São Paulo.

A entrada é gratuita. Separe pelo menos 2 horas para a visita e aproveite para experimentar as delícias do café no térreo e comprar uma lembrancinha numa das lojas espalhadas pelos andares da Japan House.

Japan House São Paulo
Avenida Paulista, 52, São Paulo
Telefone: (11) 3090-8900
Horários: Terça a sábado: 10 às 22h, Domingos e feriados: 10 às 18h, Segundas: fechado.

____________

Nota: Este post faz parte da série de publicações sobre o encontro I Japão.br. Todas as atividades desse encontro foram realizadas em parceria com empresas, inclusive a visita a Japan House São Paulo. No entanto, em respeito aos nossos leitores e à nossa política editorial, as opiniões refletem nossa experiência real na atividade e não foram influenciadas de qualquer forma pela parceria.

Japão.br - parceiros

Lila Cassemiro
Pernambucana, contadora de histórias e bem curiosa. Geminiana apaixonada por artes e culturas, sempre com a mala pronta pra viajar de novo. Eu gosto de gente.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:

Lindo post!
A Japan House é um lugar que merece ser conhecida mesmo.
Sempre tem exposições novas, então dá pra voltar muitas vezes.