Ponta do Corumbau: o paraíso escondido no sul da Bahia

Você já ouviu falar na Ponta do Corumbau na Bahia? A maioria dos viajantes brasileiros ainda não foi apresentado a esse paraíso, mas preciso te dizer: estamos falando de uma das praias mais bonitas e isoladas do Brasil!

Para quem quer conhecer um lugar paradisíaco, com ares de destino rústico e uma praia praticamente deserta, com certeza precisa incluir a Ponta do Corumbau no roteiro pelo sul da Bahia.

O destino é simples: a praia, uma pequena vila com algumas pousadas e restaurantes, nada mais. O acesso não é dos mais fáceis, por isso nem todo mundo se empolga para ir até lá. Mas acredita em mim quando digo: vale muito a pena conhecer a Ponta do Corumbau e vou te mostrar o porquê.

O que fazer em Ponta do Corumbau na Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Atenção: como se trata de um destino remoto, preciso te avisar logo de cara – não há sinal de internet ou telefone na Praia de Corumbau na Bahia. Pousadas e alguns restaurantes disponibilizam wi-fi, mas não espere que vá funcionar muito bem. Vá preparado para se desconectar.

Onde fica a Ponta do Corumbau?

A Ponta do Corumbau fica na praia de Corumbau, e pertence ao município de Prado na Bahia, na região conhecida como Costa das Baleias. Essa região fica ao sul de Caraíva e ao norte de Cumuruxatiba e Prado.

A praia de Corumbau está em destaque no mapa, veja o círculo em vermelho. Ela é enorme – são 15 km de faixa de areia, praticamente deserta! Já a parte da praia conhecida como Ponta do Corumbau é literalmente essa pontinha da praia mais proeminente para dentro do mar.

Ao vivo, se você vem caminhando pela areia, a Ponta do Corumbau parece uma curva na faixa de areia da praia. A praia vai “apontando mais pra dentro do mar”. E é exatamente essa faixa de areia da Ponta do Corumbau que fica bem maior no movimento da maré baixa – o famoso espetáculo pelo qual a Ponta do Corumbau é mais conhecida.

Onde fica a Ponta do Corumbau Bahia
Fonte: Google Maps

Como chegar na Ponta do Corumbau?

Corumbau é um distrito de Prado, e bastante isolado geograficamente. Você pode chegar lá de barco (privativo ou grupos de passeio que podem sair de Prado ou Caraíva), ou ainda de carro próprio ou alugado (como a gente fez).

Para alugar um carro e viajar o sul da Bahia, você pode fazer uma cotação online e reserva gratuita no site da RentCars, escolhendo o local onde quer retirar o veículo (o aeroporto de Porto Seguro costuma oferecer mais opções).

O site faz um comparativo dos preços das locadoras e mostra qual é a opção com melhor custo-benefício – sempre usamos a RentCars para reservar carros nas nossas viagens internacionais e nacionais.

Faça uma cotação gratuita para aluguel de carro na Bahia

Para quem prefere chegar com mais conforto, uma opção é fretar um helicóptero (a maioria das pousadas tem seu próprio heliponto).

Quem vem de avião, pode desembarcar no aeroporto mais próximo, Aeroporto de Teixeira de Freitas, ou no Aeroporto de Porto Seguro – e de lá pegar um transfer ou carro alugado até Ponta do Corumbau.

Leia mais: Roteiro de carro pelo sul da Bahia

Como ir até Ponta do Corumbau de barco

Há possibilidade de encontrar grupos de passeio saindo das cidades vizinhas, que tem maior estrutura, como Prado, Caraíva ou Cumuruxatiba. Isso é mais comum na alta temporada.

Outra possibilidade é alugar seu próprio barco / lancha, e fazer um passeio de um dia até a Ponta do Corumbau.

Como ir até Ponta do Corumbau de avião / helicóptero

O aeroporto mais próximo da Ponta do Corumbau é o Aeroporto de Teixeira de Freitas (130 km de distância, cerca de 2h30 de estrada.

Na baixa estação, há quatro vôos semanais que desembarcam nesse aeroporto – operados pela Azul, partindo de Belo Horizonte às domingo, terça, quinta e sábado. Na alta estação, os vôos são diários.

Outra opção é o Aeroporto de Porto Seguro (220 km de distância, cerca de 4h de estrada).

É bem mais fácil encontrar voos para lá saindo de diversas partes do Brasil, mas honestamente não sei se encararia as 4h de estrada direto até a Ponta do Corumbau – o ideal seria planejar conhecer outros destinos no caminho, como Arraial d’Ajuda, Trancoso ou Caraíva.

Como ir até Ponta do Corumbau de carro

Se você está de carro pela Bahia, e pretende conhecer Ponta do Corumbau, o mais provável é que esteja vindo de um dos destinos mais turísticos que ficam mais perto: Caraíva, Cumuruxatiba ou Prado.

Como dá pra ver no mapa, não há uma estrada oficial que venha direto de Caraíva até a Ponta do Corumbau, nem de Prado ou Cumuruxatiba até Corumbau. O motivo principal é a área de proteção que está nessa região, a reserva ambiental do Parque Nacional do Monte Pascoal.

Como chegar em Ponta do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Por conta disso, para chegar de carro até a Ponta do Corumbau, é preciso contornar a área de reserva ambiental voltando pelas estradas principais (como a BR101, para quem vem do norte), para então pegar uma estrada de terra chamada Estrada de Corumbau.

Apesar de não ser um trecho muito grande, geralmente esta estrada está em péssimas condições. É preciso paciência para percorrer o trajeto.

Faça uma cotação gratuita para aluguel de carro na Bahia

Qual a distância da Ponta do Corumbau a Caraíva?

De carro, o caminho mais curto de Caraíva até a Ponta do Corumbau tem 123km. Você vai pegar a BA-283, em seguida a BR-101 até Itamaraju. Em seguida vire à esquerda na Estrada para Palmares (BR-498) e por fim pegue a Estrada para Corumbau (estrada de terra que costuma estar em condições ruins).

Qual a distância da Ponta do Corumbau a Caraíva
Fonte: Google Maps

Qual a distância da Ponta do Corumbau para Prado?

O caminho mais curto entre Prado e a Ponta do Corumbau tem 93 km. Você vai seguir pela BA-489, depois pela Estrada do Guarani e por último percorrer o mesmo trecho de terra da Estrada de Corumbau.

Distância de Prado até Ponta do Corumbau
Fonte: Google Maps

Como é a Ponta do Corumbau (saiba antes de ir)

No total, a praia de Corumbau tem 15 km de faixa de areia. A parte chamada de Ponta do Corumbau é só aquela pontinha mais proeminente no mapa – a parte mais bonita e movimentada da praia, que recebe a maioria dos banhistas e onde se concentra a maior parte de barracas de praia.

Ponta do Corumbau Bahia na maré baixa
Foto: Fui Ser Viajante

Fora da parte da Ponta do Corumbau, a Praia de Corumbau é uma praia praticamente deserta e ótima para caminhadas.

Ao longo de toda a extensão da praia, existe uma estrada de terra batida que dá acesso até o extremo da Ponta do Corumbau.

O nome “oficial” da estrada é Avenida Beira-mar. Por essa estrada, você vai passar por pequenos agrupamentos de casas de moradores, várias pousadas, para então chegar na Ponta do Corumbau.

No mapa abaixo, onde está a marcação “Corumbau”, fica o maior grupinho dessas casas de moradores – é o povoado de Corumbau, também conhecido como Vila do Carroula.

Nessa vila, você vai encontrar alguns restaurantes mais simples, depósito de água e bebidas, e algumas pousadas.

Estrada Vila de Corumbau até a Ponta de Corumbau
Fonte Google Maps

A pousada que nos hospedados ficava aí: Pousada Corumbau. Como ficava longe da Ponta do Corumbau, era mais em conta. Mas foi uma pousada com bom custo-benefício: restaurante próprio, quartos amplos, um bonito jardim, acesso para a praia e café da manhã farto.

Não há muitos acessos para a praia a partir da Avenida Beira-mar. A maioria deles é de uso das pousadas, para que os turistas possam ter acesso à estrutura de praia da pousada.

Na parte da Ponta do Corumbau, o acesso para a praia é livre – por isso se você vai de carro somente para a praia, dirija direto até lá e estacione seu carro perto da igreja.

O que fazer na Ponta do Corumbau
Foto: Fui Ser Viajante

As pousadas da Ponta do Corumbau seguem o estilo rústico-chique. Há pousadas fabulosas, com restaurante próprio.

Também há opção de glamping. E há as pousadas mais econômicas, na Vila do Carroula, que em geral são mais em conta porque ficam mais afastadas da Ponta do Corumbau.

Várias pousadas em Corumbau oferecem estrutura de praia, mas é tudo bem simples. Em geral, são algumas espreguiçadeiras de madeira na areia, protegidas do sol por uma “barraca rústica” – um pano estendido sobre 4 paus presos na areia. E um atendente para fornecer toalhas e anotar pedidos.

O que fazer em Ponta do Corumbau?

O principal motivo que leva as pessoas até a Ponta do Corumbau é o fenômeno das marés. Durante a maré baixa (especialmente nos dias de lua nova e lua cheia), o mar recua muito, formando piscinas naturais e deixando a faixa de areia da Ponta do Corumbau fica cada vez maior.

O que fazer na Ponta do Corumbau
Foto: Fui Ser Viajante

Como se fosse um grande caminho de areia pra dentro do mar. É bem impressionante. Se for um dia de muito sol, então, o espetáculo fica mais lindo ainda, com o mar azul bem claro e perfeitamente transparente.

Quem vai até a Ponta do Corumbau quer ver esse fenômeno das marés, com certeza. Mas além disso, aproveite para curtir os outros atrativos da região:

– aproveitar os muitos quilômetros de praia deserta de Corumbau, conhecer a vila de pescadores, tomar banho na foz do Rio Corumbau, onde pode remar de caiaque junto aos barquinhos de pesca, fazer passeios em alto mar, usufruir da estrutura das pousadas e se desconectar do mundo (de verdade).

Pescadores na praia do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Vamos falar um pouco mais a fundo sobre o que fazer em Ponta do Corumbau:

Ver o espetáculo da maré na Ponta do Corumbau

O principal ponto turístico da Praia de Corumbau com certeza está no movimento das marés na Ponta do Corumbau durante o pico da maré baixa.

Se puder programe sua viagem para estar em Corumbau durante a lua nova ou lua cheia, quando a maré chega aos seus pontos mais baixos e o espetáculo é mais bonito de ser ver.

Ponta do Corumbau Bahia na maré baixa
Foto: Fui Ser Viajante

Fique de olho na tábua de mares para saber o horário certinho do fenômeno. O mar vai secar tanto, que a faixa de areia da Ponta do Corumbau vai ficar cada vez maior. Você vai caminhar, caminhar e caminhar mais para enfim chegar na extremidade da ponta de areia que enfim encontra o mar.

A praia vai ter se transformado num enorme banco de areia, cercado de água cristalina e inúmeras piscinas naturais, cheia de peixes e ótima para nadar e observar a vida marinha.

O fenômeno dura o tempo da maré, depois a água começa a subir de novo e Ponta do Corumbau volta a ser só um pedacinho de faixa de areia que avança no mar.

Caminhe e relaxe na Praia do Corumbau

A praia do Corumbau é vazia e bem bonita. Você pode caminhar pela areia e passar muito tempo até cruzar com alguém. A parte mais movimentada da Praia do Corumbau fica perto da Ponta do Corumbau, o resto da praia tem bem a cara de paraíso perdido, com praia deserta.

Praia de Corumbau na Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

De forma geral, o mar em toda extensão da praia de Corumbau é bem calmo, quase sem ondas. Se o dia está sol, a praia fica com um azul lindo. Por outro lado, em dias nublados, o cenário já não surpreende tanto.

É uma praia bem gostosa pra caminhar. A gente ficou hospedado na Pousada Corumbau (que tem um bom custo-benefício e estrutura, mas fica na vila, afastada da Ponta do Corumbau).

É uma pousada de frente para o mar, com um bonito jardim e restaurante próprio. Apesar de ficar longe da Ponta do Corumbau (aproximadamente 6km), valeu a experiência.

Confira mais detalhes sobre a Pousada Corumbau aqui.

Pousada Corumbau na Ponta do Corumbau, Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Como curtimos caminhar na praia, e não temos medo de distância, decidimos ir e voltar até a Ponta do Corumbau. Era por volta das 16h, no dia que chegamos. Já tínhamos descansado da estrada e pensamos, por que não?

É, talvez não tenha sido uma ideia boa ideia. Hahaha Já te explico:

Caminhamos da pousada até a Ponta do Corumbau (pouco mais de 6 km). Até aí tudo bem. Gastamos cerca de 1h30min, num ritmo bem lento e parando para fotos. Quase não encontramos ninguém no caminho.

Caminhar na Praia do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Fomos na hora do por do sol, e foi bem bonito ver as cores mudando enquanto a gente caminhava na praia deserta. Chegamos na Ponta do Corumbau bem na hora que anoiteceu, e aí veio o problema.

Como tínhamos visto alguns cachorros na praia, a gente preferiu não voltar por lá, porque estaria tudo completamente deserto e escuro – decidimos voltar caminhando pela estrada que liga a Ponta do Corumbau até a vila.

Foram os mesmos 6 km caminhando na estrada de terra batida – mas a estrada também estava completamente no escuro. Só muito esporadicamente a luz de alguma casa ou pousada iluminava o caminho.

Confesso que fiquei com medo, especialmente quando vinha alguma moto passando pela gente no completo deserto e silêncio da estrada. Afinal a gente não conhecia o destino, e andar por uma estrada deserta no escuro pode não ser a coisa mais segura do mundo.

Não aconteceu nada, deu tudo certo. Mas não recomendo que faça esse percurso a noite e sozinho – nem na praia, nem na estrada. Vai realmente estar tudo escuro e deserto. Se você torcer o pé, por exemplo, não vai ter a quem chamar. Fora questões de segurança.

Se curtir caminhadas, saia para caminhar na Praia de Corumbau de manhã cedo ou em um horário de pouco sol, mas faça isso durante o dia. À noite, prefira sair de carro.

Explore a foz do Rio Corumbau

É muito comum para quem visita os destinos de praia no sul da Bahia encontrar um rio que desemboca no mar bem no meio da praia. Em Corumbau não é diferente: o Rio Corumbau é quem comanda o espetáculo.

A foz do rio fica perto da Ponta do Corumbau e da vila de pescadores, por isso é muito comum encontrar barcos de pesca e pessoas fazendo a travessia do rio – do outro lado você pode pegar um bugre e ir até Caraíva.

Foz do rio Corumbau e Ponta do Corumbau, Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

Inclusive, esse é o caminho de quem vem em grupos de passeio de Caraíva para conhecer a Ponta do Corumbau. Vem de bugre pela areia, faz a travessia no rio para a Ponta do Corumbau, e na volta o bugre faz uma parada em Brasília, para visitar uma aldeia indígena antes de chegar de volta a Caraíva.

Enquanto estiver passeando pela região da foz do Rio Corumbau, apreciei o cenário bucólico da vila de pescadores. Algumas pousadas disponibilizam caiaques para os hóspedes, daí você pode remar um pouco pelo rio, vendo mais de perto a vegetação de mangue.

Conheça outros destinos a partir de Ponta do Corumbau

De Corumbau até Caraíva

A partir de Corumbau, é possível visitar a vila de Caraíva. São apenas 10 km de distância, se você fizer a travessia de rio e seguir de bugre até a vila de Caraíva. Outra opção é alugar uma lancha / barco para ir até lá pelo mar.

Só fique atento que, como Ponta do Corumbau não recebe muitos turistas, é difícil organizar grupos. Em geral, é preciso contratar passeios privativos para ir até Caraíva. Os destinos estão separados por 10km, e é preciso fazer a travessia do Rio Corumbau e depois seguir de bugre até Caraíva, ou fazer todo o trajeto de barco ou lancha (cerca de 1 hora de navegação pelo mar).

Se decidir fazer o passeio mesmo assim, tem um post aqui no blog com dicas de o que fazer em Caraíva. Vale a pena conferir.

De Corumbau até Cumuruxatiba ou Prado na Bahia

Cumuruxatiba e Prado são outros dois destinos que você pode conhecer na Bahia a partir de Ponta do Corumbau. Para ir até lá no estilo bate-e-volta, é preciso fazer o trajeto de lancha / barco fretado.

A vila de Cumuruxatiba também pertence a Prado, mas é uma vila que tem um pouco mais de estrutura para o turismo (mais pousadas, restaurantes, etc). As praias são bem bonitas e o charme da vila é um atrativo a mais.

Leia mais: O que fazer em Cumutuxatiba

A cidade de Prado também conta com alguns atrativos, como suas praias e o centro histórico. Aproveitando que você está na Costa das Baleias, pode também se programar para fazer uma visita ao Arquipélago de Abrolhos e uma navegação para avistamento de baleias na Bahia (a temporada é no inverno).

Leia mais: O que fazer em Prado, Bahia

Onde comer em Corumbau?

Ponta do Corumbau não tem muitos restaurantes.

Para almoçar, você pode contar com os pequenos restaurantes e barracas de praia na Ponta do Corumbau. O Panela de Barro e o Brilho do Sol são boas indicações para comer perto da Ponta do Corumbau. No entanto, as barracas de praia e restaurantes da Ponta do Corumbau costumam fechar à noite.

Barracas de praia na Ponta do Corumbau
Foto: Fui Ser Viajante

Uma opção para jantar em Corumbau são os restaurantes das próprias pousadas. A maioria delas tem um restaurante, que funciona para almoço e jantar. Nos fizemos a maioria das nossas refeições no restaurante da Pousada Corumbau. A comida era simples mas gostosa e o preço era razoável.

Restaurante na Pousada Corumbau
Foto: Fui Ser Viajante

Na Vila do Carroula há alguns restaurantes (tanto em pousada quanto em casas de moradores). A Pousada Corumbau tem dois restaurantes, um que funciona a beira-mar e outro na parte da pousada que fica na vila. Há também lanchonetes e distribuidoras de bebidas na vila, mas fique atento porque tudo costuma fechar cedo.

Planeje sua viagem para a Ponta do Corumbau

Quando ir a Ponta do Corumbau?

Como todo o sul da Bahia, Ponta do Corumbau é um destino para curtir o ano todo. As chuvas são bem espalhadas ao longo do ano, e geralmente influenciadas pelas frentes frias que chegam da região Sudeste. Faz calor o ano inteiro, e há uma chance de chover um pouquinho em qualquer época.

O ideal é pensar sua viagem para um período de lua cheia ou nova, quando o movimento das marés é mais intenso, e você vai aproveitar ainda mais o espetáculo na Ponta do Corumbau.

Quanto tempo ficar na Ponta do Corumbau?

Com a dificuldade de acesso para visitar a Ponta do Corumbau, recomendo pelo menos 2 pernoites – e indico muito que você pegue uma pousada bem estruturada, com restaurante próprio e comodidades que vão te oferecer uma experiência com mais conforto em Ponta do Corumbau.

Você vai precisar descansar depois de encarar a estrada de terra, e a vila em si não oferece muitas comodidades. Por isso, Ponta do Corumbau é um daqueles lugares que vale a pena investir em uma pousada bacaninha.

Não precisa pensar muito num roteiro na Ponta do Corumbau. O importante é saber o horário da maré mais baixa, para ir até a Ponta do Corumbau ver o fenômeno das marés.

Nós ficamos na Pousada Corumbau, que apesar de ficar afastada da Ponta do Corumbau, tinha uma boa estrutura, com restaurante, jardim, e apartamentos de frente para o mar. Olha bem o nascer do sol que vimos da varanda do quarto na Pousada Corumbau:

Nascer do sol na Ponta do Corumbau
Foto: Fui Ser Viajante

Veja mais informações e como reservar a Pousada Corumbau

Fora isso, o restante do tempo vai ficar livre para aproveitar a tranquilidade da praia semi-deserta, desfrutar da estrutura da sua pousada e curtir as barracas de praia / restaurantes.

Ponta de Corumbau não tem agências de turismo e passeios. Você em geral acerta tudo com pessoas, ou com a pousada, e normalmente é preciso investir em um passeio privativo.

Se você planejar bate e volta nos destinos vizinhos, como Prado, Cumuruxatiba ou Caraíva, considere incluir mais um dia no roteiro para cada um, pelo menos. Mas fique atento: por conta da pouca estrutura, fazer bate e volta saindo de Ponta do Corumbau não é barato, já que você vai precisar contratar um passeio de barco privativo.

Considere se não é mais fácil sair de uma dessas cidades para fazer um bate e volta em Ponta do Corumbau, e não o contrário. Talvez seja mais fácil conseguir passeios compartilhados / em grupo. Em Caraíva, é muito comum encontrar agências oferecendo esse passeio.

Pousadas na Ponta do Corumbau

Apesar de não ter muita oferta de hospedagem, você pode encontrar algumas pousadas em Corumbau que são bem interessantes.

Se você procura uma experiência de luxo, há excelentes opções em Corumbau. As mais famosas ficam na Avenida Beira Mar e oferecerem estrutura na praia para os hóspedes. Anote as dicas: Vila Naiá (que divide sua estrutura entre pousada de luxo e glamping) e a Fazenda São Francisco.

Mais distante da Ponta do Corumbau, essa parte mais ‘glamourosa’ da praia, você encontra opções mais em conta, mas ainda bem interessantes, como a Vila das Mangabeiras e o Canto de Jurema Corumbau Hospedaria e Glamping

Para economizar e ainda contar com boa estrutura, você pode fazer como nós e se hospedar na Pousada Corumbau, na Vila de Caroula, onde nos hospedamos.

Pousada Corumbau, Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

A pousada fica longe da Ponta de Corumbau, mas se você está de carro, pode encarar a estrada de terra (Av Beira Mar) até a Ponta do Corumbau (a estrada costuma estar em péssimas condições, preciso te avisar, mas o trajeto da pousada até a Ponta do Corumbau de carro não é muito grande).

No caso da Pousada Corumbau, fique atento ao reservar. A pousada se divide em duas partes: uma a beira mar, onde alugam apartamentos, e outra parte na rua de trás, na vila mesmo, onde alugam chalés privativos.

Em cada parte da pousada há um restaurante próprio que serve almoço e jantar. No entanto, o café da manhã só é servido na parte da pousada que fica a beira-mar. O restaurante fica numa varanda debruçada sobre o mar, naquela barraca à direita, bem ao lado do jardim da pousada.

Vista da Pousada Corumbau para o mar
Foto: Fui Ser Viajante

Os hóspedes que ficam hospedados nos chalés precisam se deslocar para o café da manhã – atravessar a rua e vir tomar café nessa parte da pousada onde ficam os apartamentos – acaba sendo um inconveniente para quem acabou de acordar.

Reserve sua hospedagem na Pousada Corumbau aqui

Fotos da Ponta do Corumbau

Separei aqui algumas fotos da Ponta do Corumbau, especialmente imagens aéreas durante o pico da maré baixa, para você apreciar o destino e viajar antes mesmo de ir. Confira:

Vila Ponta do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante
Fotos Ponta do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante
Fotos Ponta do Corumbau Bahia
Foto: Fui Ser Viajante
O que fazer em Ponta do Corumbau na Bahia
Foto: Fui Ser Viajante

E aí, vai conhecer a Ponta do Corumbau Bahia?

Conta pra gente nos comentários se gostou de nossas dicas e se esse post vai te ajudar a planejar sua viagem. E se sentiu falta de alguma dica ou ficou com qualquer dúvida, também é só mandar um comentário que vamos tentar te ajudar!

Lila Cassemiro
Pernambucana, contadora de histórias e bem curiosa. Geminiana apaixonada por artes e culturas, sempre com a mala pronta pra viajar de novo. Eu gosto de gente.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
Dulce Lisboa disse:

Estive agora no mês de julho em Corumbau e gostei demais é realmente um paraíso muito bonito mesmo

Lila Cassemiro disse:

Exatamente isso, Dulce: um paraíso!

Cris Andrade disse:

Eu sou uma das brasileiras que não havia sido apresentada a Corumbau e desde já te agradeço porque acabou de entrar na minha lista! Pretendo passar uma temporada no sul da Bahia e, certamente, essa belezura iria passar batido!

Rafael Cassemiro disse:

Ahhh, vc vai amar essa parte da Bahia, Cris! <3

ana disse:

Ponta do Corumbau está na minha lista hahha doida para conhecer em breve.

Rafael Cassemiro disse:

Torcendo pra que seja em breve esse encontro 😀

Marcela disse:

Que paraíso a Ponta do Corumbau! Estou planejando rodar pelo litoral da Bahia, não vejo a hora de começar essa viagem. Seu blog tem me ajudado muito! Obrigada

Rafael Cassemiro disse:

Que bom, Marcela, ficamos felizes em ajudar 😀

ANDRESSA disse:

Nossa, essa Ponta do Corumbau na Bahia é realmente o paraíso escondido rs! Nunca tinha ouvido falar! Obrihada por esse post valioso!

Rafael Cassemiro disse:

Um lugarzinho maravilhoso, né? Ficamos apaixonados <3

CINTIA GRININGER disse:

No final de 2019 passei uma semana em Prado e Cumuruxatiba mas não consegui ir até a Ponta do Corumbau… reservei um dia para ir de barco mas as condições do tempo não estavam boas e acabei desistindo. Um bom motivo para voltar a essa região maravilhosa da Bahia!

Amauri disse:

Muito bom seu blog, estava caçando um lugar p fugir esse fds e q ainda não conhecesse. Foi quando conheci seu blog falando de Rio das Flores, sou do Rio e conheço já alguns lugares serranos principais. Pelo seu blog fiquei animado de Rio das Flores e estou negociando a pousada que você indicou, a Vila Flor.
E visitando outras opções do seu blog já fiquei curioso p conhecer Corumbau Bahia, já vai entra na lista para uma futura aventura.
Minha família sou eu, minha esposa e filha e adoramos uma viajem!

Rafael Cassemiro disse:

Oi Amauri! Que bom que gostou dos nossos posts 😀 Desejo que você tenha uma ótima viagem!