Fui Ser Viajante

O que fazer em Curaçao: planeje sua viagem

Que mar é esse?

Compartilhar

O que fazer em Curaçao | Sabe aquele destino que marca a gente de um jeito especial? Nós vivemos essa viagem dos sonhos em Curaçao e Aruba, duas ilhas paradisíacas que visitamos durante nossa viagem de lua-de-mel.

Curaçao e Aruba são dois destinos bem interessantes para quem procura contato com a natureza com belas paisagens e um mar azul turquesa super transparente. Além disso, as duas ilhas oferecem lugares para relaxar durante o dia e badalar durante a noite!

Outro destaque das ilhas fica por conta da boa quantidade de lojas outlet com preços convidativos. Pois é, você pode combinar uma viagem ao Caribe com uma paradinha para compras em Curaçao e Aruba, já imaginou?

Navegue pelo post:

Onde fica Curaçao e por que visitar?
Quando ir a Curaçao
Quanto tempo ficar em Curaçao
Documentos e vacinas para visitar Curaçao
Seguro viagem é obrigatório em Curaçao?
Dicas de hospedagem em Curaçao
O que fazer em Curaçao: melhores passeios
O que fazer em Curaçao à noite
Compras em Curaçao

E quando terminar a leitura, aproveite para visitar nosso post O que fazer em Aruba, e veja como combinar essas dois destinos numa viagem só!

Rapidinhas Curaçao: o que você precisa saber antes de ir

As águas quentes do Caribe esperam por você, então comece a planejar sua viagem agora mesmo!

Moeda utilizada em Curaçao? Florim das Antilhas, ANG (1 USD = 1,80 ANG)
Língua oficial: papiamento, inglês e holandês
Uber funciona em Curaçao? Não
Água da torneira é potável? Sim
Brasileiro precisa de visto? Não
Corrente elétrica: 110-130 Volt a 50Hz.
Tipo de tomada padrão: ‘Tipo A’ de dois pinos (modelo americano)

Onde fica Curaçao e por que visitar?

A ilha de Curaçao foi colonizada pelos holandeses e, até hoje, é um país autônomo mas que pertence ao Reino dos Países Baixos. 

Juntas, as ilhas de Aruba, Bonaire e Curaçao formam o chamado ABC do Caribe, também conhecido como Ilhas de Sotavento.

As três ilhas-irmãs estão localizadas ao sul das Antilhas Holandesas, próxima à costa da Venezuela. 

Como ficam bem perto uma da outra, muita gente resolve combinar duas ou três dessas ilhas caribenhas na mesma viagem.

Por conta da transparência de suas águas e diversidade marinha, as três ilhas são destinos muito procurados por quem quer fazer mergulho, snorkeling e outros esportes aquáticos.

Bonaire, a mais “selvagem” das três ilhas, acaba sendo o destino favorito dos mergulhadores.

Mas Curaçao e Aruba também não ficam pra trás e oferecem boas experiências até embaixo d’água, com um pouco mais de estrutura para os visitantes, como maior rede hoteleira e de restaurantes.

Mas se o que você procura é um lugar na praia para estender sua canga, relaxar e tomar uns bons drinks, Curaçao também se encaixa como um destino perfeito!

Leia também: San Andrés, o caribe que cabe no seu bolso

E tem mais: essa ilha caribenha colonizada pelos holandeses ainda oferece um centro histórico pitoresco, com casinhas multi-coloridas, museus e até boates que garantem o agito noturno em Curaçao.

Quando ir a Curaçao

A boa notícia é que Curaçao está fora da rota de furacões do Caribe, então é um destino que pode ser visitando praticamente o ano todo!

E as boas notícias não param por aí: a localização bem próxima ao Equador garante o clima propício para praia e o nível de chuvas ao longo do ano costuma ser bem baixo na ilha.

Curaçao tem duas estações bem definidas, uma seca (que vai de janeiro a setembro) e outra mais chuva (de outubro a dezembro).

Mas mesmo nesses meses com mais chuva, a precipitação costuma ser bem baixa e não atrapalha as férias. Só recomendo levar repelente, já que o clima tropical favorece a proliferação de mosquitos na temporada mais úmida.

A temperatura convida para uma praia: uma média em torno de 28°C durante todo o ano ajuda a deixar as águas do mar aquecidas para receber os turistas. Caribe, né?

Quanto tempo ficar em Curaçao?

Nós ficamos 3 dias inteiros na ilha e deu pra conhecer muita coisa.

Mas Curaçao não é um lugar para conhecer com pressa. Nesse roteiro de 3 dias, ficou muita coisa de fora.

Gostamos tanto do que vimos por lá que, se eu fosse planejar mais uma viagem para a ilha, ficaria pelo menos 4 ou 5 dias em Curaçao.

É tempo para aproveitar um pouco de tudo: praia, relax, boate, gastronomia, compras, aproveitando o melhor de Curaçao sem muita correria.

Documentos e vacinas para visitar Curaçao

Turistas brasileiros não precisam de visto para visitar Curaçao. Para estrangeiros, a permanência máxima na ilha é de 90 dias.

Para passar na imigração, você precisa apresentar:

passaporte válido
passagem de volta ou de saída
comprovação de fundo monetário para a estadia (comida e hospedagem)
certificado internacional de vacinação para febre amarela (CIVP) para viajantes com mais de 6 meses de idade (veja como conseguir seu CIVP pela internet) OU documento oficial de isenção para as pessoas que não podem receber a vacina.

Além disso, existe uma taxa aeroportuária que precisa ser paga quando você vai sair da ilha por via aérea ou marítima.

Algumas companhias aéreas incluem essa taxa no valor da passagem (American Airlines, KLM, TUI fly, Air Canada, WestJet, Copa Airlines, Avianca e Surinam Airways).

No caso de voar com qualquer outra companhia, você vai precisar pagar essa taxa em dinheiro, no próprio aeroporto, antes de fazer o embarque.

A taxa custa U$20 para quem embarca para Aruba ou St. Martin, U$10 para quem embarca para Bonaire e U$39 para os demais embarques internacionais.

Crianças menores de 2 anos de idade não pagam a taxa aeroportuária.

Seguro viagem é obrigatório em Curaçao?

Não. A ilha de Curaçao não exige que os viajantes contratem um seguro viagem.

Mesmo assim, a gente recomenda muito que você contrate um seguro viagem antes de qualquer viagem internacional.

Com o seguro viagem, você viaja mais tranquilo com cobertura médica e hospitalar, sem se preocupar com imprevistos que podem acontecer em qualquer lugar.

E ainda pode receber cobertura para outras eventualidades, como extravio de bagagem, prática de esportes e apoio jurídico durante a viagem.

Quando você faz uma cotação de seguro viagem, descobre que o valor investido é muito menor do que você imaginava, e viajar sem seguro é uma “economia boba”, já que numa eventualidade você pode gastar muito dinheiro para qualquer atendimento médico no exterior.

E como vou saber que estou contratando um bom seguro viagem, pelo menor preço?

A gente sempre site da Seguros Promo, que oferece um serviço de comparação de preço entre várias seguradoras. A pesquisa é gratuita e você facilmente consegue encontrar o seguro viagem com o melhor custo benefício pra você.

Seguro Viagem com desconto

Hey, seguro viagem é um item essencial em toda viagem internacional! Sabia que viajar sem seguro é a maior furada?

E aqui tem desconto!

Faça uma cotação de seguro viagem com a Seguros Promo, um site comparador de preços que garante que você vai achar o melhor preço para seguro viagem nas datas que você procura.

Leitores do blog ganham 5% de desconto com o cupom  FUISERVIAJANTE5 , em qualquer plano contratado! Você pode parcelar em até 6x sem juros, ou garantir mais 5% de desconto se pagar com boleto bancário.

Isso mesmo, até 10% OFF pra você! Aproveite! A cotação é grátis e sem compromisso!

Dicas de hospedagem em Curaçao

Curaçao tem opções de hospedagem para todos os bolsos, desde os hotéis mais simples, pousadas confortáveis e até resorts all-inclusive.

Embora a maioria dos hotéis all-inclusive de Curaçao tenha uma praia privativa, não acredito que ficar nesse tipo de hospedagem seja a melhor opção, porque assim você corre o risco de deixar de conhecer as demais praias da ilha – que são maravilhosas!

Entre as opções mais em conta, você pode escolher um hotel perto do centro de Curaçao (na capital Willemstad). Ou a melhor opção de todas, na minha opinião, que é escolher um hotel de praia em Curação (os mais estruturados ficam em Piscadera).

Nós ficamos no simpático Floris Suite Hotel, que não tem praia própria, mas tem um acordo com o vizinho Hilton Curaçao, para que os hóspedes possam utilizar a praia deles.

A distância entre os hotéis é bem curta (dá pra ir andando), mas o Floris também disponibiliza um carrinho de golfe para levar e trazer os hóspedes. 

O Floris Suite Hotel oferece ainda aluguel de carro ou transporte para o aeroporto e para o centro de Willemstad (fica a 10 minutos de distância). Além disso, conta com serviço de spa, Beach Club, restaurante e uma piscina MA-RA-VI-LHO-SA.

Veja aqui outras opções de hospedagem em Curaçao:

Sunscape Curacao Resort Spa & Casino
✭✭✭✭✭ – All Inclusive
O hotel mais clássico do centro de Willemstead, com uma piscina de borda infinita de água salgada e outra de água doce. Fora a localização, bem no coração da cidade.

Kunuku Aqua Resort
✭✭✭✭✭ – All Inclusive
O hotel mais clássico do centro de Willemstead, com uma piscina de borda infinita de água salgada e outra de água doce. Fora a localização, bem no coração da cidade.

Renaissance Curacao Resort & Casino
✭✭✭✭
O hotel mais clássico do centro de Willemstead, com uma piscina de borda infinita de água salgada e outra de água doce. Fora a localização, bem no coração da cidade.

Boutique Hotel 't Klooster
✭✭✭✭
Um hotel curioso, construído num antigo mosteiro. Uma piscina cercada de redes é o lugar perfeito para relaxar depois de passear pelas praias de Curaçao.

Wave Hotel & Cafe
✭✭✭
Opção mais econômica e confortável no centro de Willemstad, perto de muitos bares e restaurantes. Os apartamentos são pequenos, mas o café da manhã está incluído e eu adorei a decoração colorida e moderninha.

Se você quiser conferir outras opções, confira a seleção completa de hotéis, resorts e pousadas em Willemstad, a capital de Curaçao.

O que fazer em Curaçao: melhores passeios

Como a gente só tinha 3 dias na ilha, lemos vários sites e recomendações de outros blogs sobre o que fazer em Curação para escolher as atrações do nosso roteiro.

Fizemos um roteiro sem pressa, curtindo nossa lua de mel com calma e aproveitando para relaxar muito em cada lugar paradisíaco que visitamos na ilha.

Não se surpreenda ao descobrir que Curaçao não é uma ilha pequena. Visitamos bastante coisa nesses 3 dias, mas também deixamos muita coisa de fora do roteiro.

Se você quer fazer mais atrações nesse período, vai ter que correr um pouco com o cronograma.

Por isso, vou colocar aqui primeiro as atrações que visitamos em Curaçao nos nossos 3 dias na ilha, depois vou citar as demais atrações que você pode incluir no seu cronograma, caso fique mais tempo na ilha.

O que fazer em Curação: sugestão de roteiro 3 dias

1 – Praia do hotel

Como era nosso primeiro dia na ilha e a gente estava bem cansado do casamento, festa e viagem, aproveitamos nossa primeira manhã na praia privativa do hotel Hilton Curaçao.

Para quem escolhe se hospedar num hotel de praia em Curaçao, começar a viagem curtindo a praia do próprio hotel é uma excelente opção para ir sentindo o clima da ilha.

Ah, devido ao relevo da ilha, a maioria das praias de hotéis em Curaçao são praias artificiais. Mas quem disse que uma praia construída pelo homem não pode ser tão bonita quanto uma natural?

2 – Centro de Willemstad

A praia privativa do Hilton é bem bonita, com estrutura de espreguiçadeiras, toalhas e quiosque para venda de bebidas e pequenos lanches.

Na parte da tarde, pegamos o serviço de transfer gratuito do Hotel Floris para conhecer o centro de Willemstad

A região é bastante turística. É lá que você vai encontrar um dos mais lindos cartões-postais da ilha: Handelskade, as fotogênicas fachadas coloridas dos casarões de estilo colonial.

Essas construções pitorescas hoje abrigam várias lojas de comércio local e grifes internacionais.

Passear às margens da baía de Sant’Ana é um dos melhores passeios para curtir o centro da cidade.

Se demore o suficiente para ver a ponte de pedestres Rainha Emma se movimentando lateralmente para dar passagem a algum barco (não é à toa que essa ponte flutuante construída em 1888 ficou conhecida como a velha senhora dançante).

A ponte divide Willemstad, a capital de Curaçao, em duas partes: Punda (onde estão os casarios de Handelskade) e Otrabanda, com mais um punhado de lojas, restaurantes e o complexo Renaissance, com hotel, cassino, lojas e restaurantes.

Caminhando pelos lados de Punda, ainda encontramos alguns letreiros para fotos em Curaçao. Você sabia que Dushi é o apelido carinho para chamar alguém querido em papiamento, a língua oficial de Curaçao?

Já em Otrobanda, visite o Museu Kurá Hulanda, que conta um pouco sobre a história do tráfico de escravos em Curaçao.

3 – Curaçao Sea Aquarium

Começamos nosso segundo dia na ilha indo até o Curaçao Sea Aquarium. Para chegar lá, optamos por alugar um carro. O pessoal do hotel oferecia o serviço de agência de locação.

Para retirar o carro e dirigir na ilha, só precisamos apresentar a habilitação brasileira.

O Sea Aquarium fica na região sudoeste da ilha, distante uns 6km do centro de Willemstad. O estacionamento local é bem grande.

O aquário é de médio porte e tem atividades interessantes, como os tanques de toque, onde você pode interagir com animais como estrelas-do-mar e ouriços, além de áreas específicas para tartarugas, leões marinhos, tubarões tigre e flamingos.

Durante o dia, acontecem vários encontros com animais, nos quais você pode, por exemplo, participar da alimentação de pequenos tubarões.

São apresentados também alguns shows com horários marcados, como o show com leões marinhos e o show com golfinhos.

Adoramos o show cheio de acrobacias dos golfinhos, que foi bem animado. O único problema foi o horário (perto de meio-dia), já que a área era descoberta e o sol estava bem quente.

Nesse show, você pode comprar atividades extras com o pessoal da Dolphins Academy (os organizadores).

Dá por exemplo para tirar aquela foto beijando o golfinho ou nadar com eles. Não compramos nenhuma dessas atividades porque na época eu não sabia nadar e tinha um medo danado mas quem fez gostou muito.

4 – Sea Aquarium Beach

O ingresso para o Sea Aquarium te dá direito a usufruir da praia privativa ao lado do aquário, a Sea Aquarium Beach.

Essa é mais uma das muitas praias artificiais em Curaçao, mas nem por isso deixa de ser muito bonita.

A praia estava super bem frequentada e é bastante estruturada.

Ficamos em uma das espreguiçadeiras do Mambo Beach Club, e também aproveitamos para comer por lá. Além dessa barraca, existem outras opções na praia, como o bar Cabana.

A Sea Aquarium Beach é bastante badalada à noite, com os clubes se revezando na oferta de festas e baladas de quinta a domingo. Mas não ficamos por lá tanto tempo assim.

Se você vier só para a praia, durante o dia cobra-se uma taxa de USD 3 para entrar. À noite a entrada é grátis e você paga apenas a consumação.

5 – Praia Cas Abao

Para nosso último dia, escolhemos mais duas praias para conhecer.

Acordamos cedo e aproveitamos que ainda estávamos com a diária do carro para ir até uma praia mais distante, Cas Abao.

Ela fica a mais ou menos 30km de Willemstad e é uma praia particular (custo=10 florins por carro com até 4 passageiros em dias de semana; 12.50 florins em finais de semana).

Muitas listas consideram Cas Abao como a praia privada mais bonita da ilha.

Fomos com fé nessa avaliação e não nos arrependemos. A praia abre diariamente de 8h às 18h e é super estruturada, com bares, cadeiras pra alugar, massagens, vestiários e até guarda-volumes.

A enseada da praia é muito linda, com pedras protegendo todo o arredor e dando um quê de paradisíaco com aquele mar azul turquesa.

Como chegamos bem cedo, a praia estava completamente deserta. A areia era branquinha e a água tinha uma transparência fenomenal.

Aproveitamos muito –  a vontade era não ir embora dali nunca mais.

6 – Pirate Bay

Devolvemos o carro no próprio hotel e fomos aproveitar outra praia bastante recomendada e bem próxima ao Floris Suites – a Pirate Bay.

A praia tem um bar-lounge lindo e é recomendada como um dos melhores lugares para aproveitar o por-do-sol em Curaçao.

O restaurante da praia oferece algumas mesas ‘pé na areia’ e a música ambiente era muito boa. Foi uma ótima maneira de aproveitar o fim do dia e da nossa viagem a Curaçao!

O que fazer em Curaçao: Outras opções de passeio

Aproveitamos bastante nossos três dias em Curaçao, mas fomos embora com aquele gostinho de quero mais.

Aqui estão outras atrações que estão na nossa lista para fazer em Curaçao numa próxima viagem:

7 – Mergulho com snorkel ou cilindro

Sim, o fundo do mar é um dos melhores atrativos de Curaçao. Uma enorme diversidade de fauna, flora e até navios naufragados esperam por quem tem coragem de dar um mergulho nas águas azuis de Curaçao.

Alguns pontos de mergulho em Curaçao podem ser acessados diretamente da praia (como Portomari, Playa Kalki ou Blauwbaai). Já outros, somente com barco, como o encontro com o navio Superior Producer, naufragado em 1977.

8 – Ilha de Klein Curaçao

Fazer um bate e volta na ilha vizinha, chamada Klein Curaçao (Pequena Curaçao) é outro programa super recomendado na ilha.

Para chegar lá de barco, você vai gastar mais ou menos 1 hora e meia, e pode aproveitar o dia curtindo mais um punhado de praias paradisíacas e menos concorridas.

O blog Guia Mundo Afora visitou Klein Curaçao e contou como foi a experiência.

9 – Kenepa Grandi

Essa praia pública fica a 40km de Willemstad e é considerada por muita gente a praia mais bonita de Curaçao.

O único problema é que a praia é pequena e pública, então você tem que chegar super cedo antes que lote.

10 – Parques naturais em Curaçao

Nem só de praias vive Curaçao. A ilha tem dois parques naturais abertos à visitação: o Parque Nacional de Christoffel, que abriga o Monte Christoffel (que pode ser escalado numa caminhada de 3h) e o Parque Nacional Shete Boka, que oferece uma vista espetacular do agitado mar da costa do norte.

Nessas áreas, você pode apreciar espécies nativas de plantas e animais, como o raro cervo de cauda branca de Curaçao.

O que fazer em Curaçao à noite

Prepare-se para cair na balada, Curaçao oferece uma vida noturna agitada.

Com uma ampla oferta de bares e festas, você encontra de tudo na noite de Curaçao: desde o restaurante com música ao vivo até a festa de arromba que vai virar a madrugada.

Para curtir jantar e música, o Rif Fort no centro de Willemstad é um a pedida certeira. Quem quer experimentar a sorte pode aproveitar e combinar com uma passadinha no cassino do hotel Renaissance.

Caribe que é Caribe tem bar dançante. Pra isso, a parada obrigatória da noite em Curaçao é o Mambo Beach, seguido do Papagayo Beach Club.

Mas para saber mesmo o que fazer a noite em Curaçao, você pode conferir o site PasaBon.com, que reúne todos os eventos e baladas da semana em Curaçao.

Compras em Curaçao

Curaçao, assim como Aruba, oferece algumas opções interessantes de lojas.

Quando o assunto é compras em Curaçao, basta uma caminhada pelo centro de Willemstad para encontrar filiais de lojas famosas internacionalmente, como Tommy Hilfiger, Mango, Tiffany & Co, Swarovski, Victoria’s Secret, Pandora, Swatch, entre outras.

Outras lojas tradicionais de Curaçao também tem presença forte no comércio da ilha, como a Penha, que vende cosméticos e perfumes.

Algumas dessas lojas oferecem preços de ocasião / descontos de outlet, então pesquisando bem você pode encontrar alguma pechincha.

Mas atenção, Curaçao não é uma região de comércio duty free. O que acontece na ilha é apenas uma política de “relaxamento dos impostos”, o que favorece os preços mais baixos praticados.

Lembre-se apenas que com o dólar subindo cada vez mais, fazer compras na moeda estrangeira nem sempre é um bom negócio.

Caminhando por Punda e Otrabanda, você também encontra lojas de artesanato e produtos locais, que podem render boas lembrancinhas da viagem.

O blog Juicy Santos tem uma lista bem bacana de lojas de artesanato em Curaçao que vale a pena conferir.

Dólares americanos são aceitos facilmente em toda a ilha de Curaçao. Já o euro, somente nas casas de câmbio.

A taxa de câmbio do Florim das Antilhas é fixa em relação ao dólar americano (1 USD = 1,80 ANG).

Em muitas lojas e restaurantes, a taxa de câmbio é 1 USD = 1,75 ANG, para facilitar os cálculos. Normalmente, você recebe o troco em florins.

Nossa conclusão: O que fazer em Curaçao

Ficamos apaixonados por tudo que vimos, e sonhando para voltar em breve a Curaçao, para visitar todos os lugares que ficaram na nossa ‘wish list’ em Curaçao.

Voltamos pra casa com a certeza que Curaçao é um lugar especial do Caribe. Embora muitas das praias sejam artificiais, a gente nem lembra disso e fica sempre de boca aberta com tanta beleza.

O grande diferencial de Curaçao é a natureza. Em alguns lugares, a paisagem é tão espetacular que você facilmente esquece do burburinho de Willemstad e se sente numa espécie de ilha selvagem ou praia particular.

O turismo da ilha não é baseado nas grandes estruturas de resort. As praias mais lindas são exatamente as mais distantes e mais difíceis de acessar.

Pode ter sido impressão, mas na época que fomos (junho) não achamos a ilha lotada. Talvez porque sempre chegávamos bem cedo nas praias, dava pra curtir tudo quase em uma experiência exclusiva.

Você pode se jogar na badalada vida noturna de Curaçao, ou apenas curtir a natureza, a gastronomia e a cultura da ilha. Descobrir a sua Curaçao, do seu jeito.

E você, já pensou em conhecer Curaçao?

Agora você tem todas as informações que precisa para planejar sua viagem a Curaçao. Que tal conhecer a ilha nas próximas férias?

E você que já conhece esse pedacinho do Caribe, qual sua melhor dica sobre o que fazer em Curaçao?

Conheceu outros lugares que não citamos aqui? Tem mais alguma praia ou museu de Curaçao para indicar?

Conta pra gente nos comentários como foi sua experiência!

Para mais informações, confira o site oficial do turismo em Curaçao.
Post publicado em 10 de outubro de 2016. Atualizado em 21 de maio de 2019.

Comece a planejar sua viagem!

Escolhemos parceiros caprichados para te ajudar a transformar a sua viagem em realidade! E quando você faz suas reservas usando os links aqui do site, você apoia nosso conteúdo e faz o blog crescer cada vez mais! 😀

  Reserve sua hospedagem no Bookingsão milhares de hotéis e pousadas, para todos os gostos e bolsos. Sem taxa de reserva, com programa de fidelidade (ganhe descontos a partir da 10a reserva) e com muitas opções de hospedagem com cancelamento gratuito!
  Aluguel de carro com a Rentcars: Para viajar no Brasil ou no exterior, sempre fazemos a cotação do aluguel de carro no site da RentCars, que compara o valor das locadoras locais e mostra rapidinho qual o melhor preço para nossas datas. Dá pra parcelar em 12 vezes e o pagamento é sempre em reais (sem IOF!)
  Seguro Viagem com a Real Seguros:  O site compara os diferentes planos e preços oferecidos pelas seguradoras, para você escolher facilmente qual o seguro viagem com melhor custo-beneficio. E clicando por esse link você ainda ganha 10% de desconto em qualquer seguro do site!
 Economize e pule a fila: Compre ingressos antecipados para as principais atrações do seu destino. Não perca tempo na fila. Se a atração é muito concorrida, vale garantir seu lugar antecipado! Compare e encontre os melhores preços de ingressos e tours: TicketbarGet Your Guide

Sair da versão mobile