Navagio Beach, a praia mas bonita que eu já conheci

Passagens compradas. Destino: Atenas. Aquilo era real e a gente estava mesmo indo pra Grécia. Chegou a hora de sentar e montar o roteiro.

A gente só teria 7 dias por lá. Era preciso otimizar os deslocamentos, levando em consideração que há uma menor oferta de voos entre as ilhas gregas em abril, último mês da baixa temporada.

Para não fazer nada muito corrido, decidimos visitar a capital Atenas e mais duas ilhas. Quando Rafa me perguntou qual ilha era minha prioridade, minha resposta foi rápida: Quero ir pra Zakynthos para conhecer Navagio Beach!

Não, Zakynthos não é uma das ilhas mais procuradas da Grécia. Todo mundo está de olho na romântica Santorini, ou na badalada Mykonos. Como foi que eu fiquei sabendo de Zakynthos, ali ‘esquecida’ na costa oeste da Grécia?

Faz tempo que acompanho todo tipo de lista sobre as praias mais lindas do mundo. É uma missão pessoal visitar a maior parte delas e, no fim da vida, escrever minha própria lista das praias mais maravilhosas que conheci.

Bem, Navagio Beach aparece em 99,9% dessas listas. Mais que isso: está sempre disputando os primeiros lugares. Já foi eleita a praia mais linda do mundo várias vezes. E não é sem razão. Olhem . isso . aqui:

Navagio Beach
Navagio Beach
Navagio Beach
Navagio Beach

As fotos falam por si, né? E pra convencer ainda mais, vou deixar claro uma coisa: Não tem filtro nessas fotos!

Essa era uma dúvida que eu tinha sempre, antes de desembarcar em Navagio Beach. Será que é tudo Photoshop? Não é, amigo viajante. É real, é perfeito, é tão azul e tão transparente que chega a doer.

O que torna Navagio Beach tão especial?

Navagio Beach faz parte das chamadas Ilhas Jônicas, que se localizam do lado esquerdo da Grécia continental.

O Mar Jônico, que banha essas ilhas, é muito conhecido por ser incrível super transparente, com uma cor azul impressionante.

Zakynthos tem um relevo muito interessante, cheio de penhascos e com uma natureza exuberante. E a mãe-natureza caprichou ainda mais no pedacinho onde está Navagio Beach.

A praia é inacessível por via terrestre, e fica protegida em uma península cercada por um penhasco enorme de pedra calcárea extremamente branca.

A vista do penhasco é incrível, sedutora e perigosa. Você tem uma visão ampla da praia, e fica cada vez mais tentado a ficar perto da beira da encosta. Isso, infelizmente, já custou a vida de alguns viajantes.

Então como a gente chega na praia? Por meio de barcos (particulares ou de excursão), que saem de portos espalhados pela ilha. Ou, para os aventureiros hard core, existe a possibilidade de fazer base jump do penhasco até a praia.

Navagio Beach

Uma das cenas que jamais esquecerei na vida!

Partimos do porto de Agios Nikolaos em Zakynthos e navegamos por uns 20 minutos circundando a ilha, observando os recortes do bonito relevo da ilha.

Eu ia me distraindo com as belezas do caminho, quando fizemos uma curva e de repente eu me vi em frente a um enorme penhasco de pedra calcárea branca, que na luz do meio-dia, refletia intensamente a cor azul do mar Jônico.

Eu fiquei sem palavras por uns segundos. Era um reflexo tão intenso, que fiquei hipnotizada.

Quando consegui quebrar o feitiço que me mantinha olhando pro penhasco, virei para a esquerda e vi que o barco já estava se aproximando da costa. Aquele lugar maravilhoso era Navagio Beach!

Com os raios do sol incidindo diretamente na água, todas as paredes brancas ao redor refletiam o azul intenso do mar. A água era tão transparente que os barcos pareciam flutuar.

Era possível ver o fundo do oceano, mesmo nas partes mais profundas. Uma beleza quase de outro mundo.

Navagio Beach
Navagio Beach

Um pouco de mistério nas águas de Navagio Beach

Mas as maravilhas de Navagio Beach não acabam por aí. Ainda tem uma história de mistério e aventura para aguçar os nossos sentidos.

Um enorme navio encalhado hoje repousa nas areias de Navagio Beach, quase demograficamente colocado ali para tornar tudo ainda mais belo e encantador em Navagio.

É esse navio que dá nome a Navagio Beach: Navagio = naufrágio. Em Zakynthos, muita gente conhece a praia como Shipwreck, ou navio naufragado, em inglês.

A história é incerta, e talvez a gente nunca fique sabendo o que realmente aconteceu. A versão mais popular diz que o navio Panagiotis naufragou na costa da ilha, enquanto fugia de navios gregos, por transportar mercadoria contrabandeada.

Mas há tantas outras versões que só as areias de Navagio poderiam contar o que realmente aconteceu.

O fato é que a enorme estrutura de metal se destaca na perfeição da praia, formando um contraste que torna tudo por ali mais real.

Sem o navio, seguramente eu poderia dizer que Navagio Beach era um pedaço do paraíso. Os destroços ali me lembram que é tudo real, eu estou viva e apenas tive a sorte de encontrar e ver ao vivo um dos lugares mais incríveis do mundo!

Navagio Beach
Navagio Beach

Vivendo um sonho: Navagio Beach é real

O barco que nos trazia seguiu flutuando pelo mar incrivelmente azul e transparente de Navagio, até nos deixar quase na praia. Eu, que não sei nadar muito bem, saltei do barco confortavelmente para dentro do mar, com água no joelho.

As águas geladas deram o primeiro susto na pele, mas o corpo aclimatou rápido, ajudado pelo forte sol que iluminava os últimos dias de abril nas ilhas gregas.

As pedras do fundo do oceano machucavam um pouco os pés, mas nada demais. Caminhei até a praia, me virei em direção ao mar e passei mais uns segundos absorvendo tudo que eu estava vendo e vivendo.

Estar em Navagio Beach é coisa de outro mundo. É um privilégio. Durante aquele tempo, você certamente irá esquecer que existe um resto de mundo fora dali. Só Navagio Beach importará.

A faixa de areia é pequena. O navio encalhado toma conta de um bom pedaço de areia e produz a única sombra em toda a praia. Não há nenhuma infra-estrutura.

Passamos o tempo por lá vivendo do que trouxemos, e levamos embora nosso pouco lixo, na melhor das tentativas de preservar o paraíso.

Navagio Beach
Navagio Beach
Navagio Beach

O encanto das águas geladas de Navagio Beach

A praia tinha uma boa quantidade de pessoas, embora estivesse infinitamente vazia em comparação aos meses de alta estação, quando sobram cabeças e falta espaço em Navagio Beach.

A maioria se esticava em cangas na areia ou procurava se proteger do sol nas sombras do navio encalhado. Pouca gente ia pra água, que quase parecia um território sagrado a ser explorado.

Estendi minha canga, guardei minha roupa e fui pro mar, sem medo das águas geladas. Eu não podia deixar passar a oportunidade de aproveitar o mar no paraíso. Mergulhei algumas vezes, testando meu medo de nadar e a profundidade das águas.

A água é extremamente salgada em Navagio Beach. É muito difícil afundar e muito, muito fácil boiar. Rafael, com infinita mais habilidade que eu, foi até o fundo e experimentou a visibilidade perfeita até alguns metros de profundidade.

Eu me contentei em boiar perto da costa, por algumas vezes sem acreditar na realidade da situação. Sério, amigos. É um encantamento que só vivendo pra sentir.

Navagio Beach
Navagio Beach

Eu só queria ter ficado mais…

Estar em Navagio Beach parecia um sonho. E foi tão rápido que, por vezes, eu acho mesmo que foi. Os barcos das excursões trazem os grupos até a praia e deixam que a gente fique por lá por cerca de uma hora.

O tempo passa muito rápido no paraíso, amigos. Entre sentar na faixa de areia (cheia de pedras), nadar e boiar no mar gelado, fazer fotos do naufrágio e da gente, passou tudo muito rápido.

Alguns casais e famílias alugam um barco em Zakynthos e fazem o passeio por conta própria, podendo permanecer na praia pelo tempo desejado. Isso é uma prática muito comum na Grécia e normalmente não são exigidos documentos.

No entanto, encarece um pouco o passeio. Indo de excursão e em baixa temporada, pagamos 15 euros por pessoa para conhecer Navagio Beach, e na saída navegar pelas Blue Caves, outro cartão postal de Zakynthos.

Um preço bem em conta para um passeio de barco de 3 horas.

No nosso barco, vimos um casal com filhos que acertou com o barqueiro para busca-los no final da tarde. Não sei quanto custou, mas é outra opção a negociar, caso você deseje aproveitar mais tempo por lá.

Apesar da sensação de que foi tudo muito rápido, conhecer Navagio Beach foi uma das experiências mais maravilhosas da minha vida viajante. Não é Photoshop! Navagio Beach é real, encantadora, maravilhosa e inesquecível!

Navagio Beach
Navagio Beach
Lila Cassemiro
Pernambucana, contadora de histórias e bem curiosa. Geminiana apaixonada por artes e culturas, sempre com a mala pronta pra viajar de novo. Eu gosto de gente.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
LPC disse:

Estou planejando ir em julho. Dá pra ficar de pé? É muito funda?

Klécia disse:

Ela tem uma boa faixa de mar que dá pé, Lisi. Dá pra aproveitar bem!

Rafael Soligo disse:

Klécia,parabéns pelo post!
Irei para Zakynthos em abril e minha dúvida é se o tour de barco,para Navagio Beach, acontece normalmente em baixa temporada?

Rafael Cassemiro disse:

Oi Rafael, Nós fomos pra Zakynthos também em Abril, e o passeio de barco estava funcionando normal. (talvez com saídas mais espaçadas, visto que a demanda era menor – Mas também significa que a praia fica menos cheia :D)
Obrigado pela visita e boa viagem.

Juliana Moreti disse:

Lindo…. que fotos lindas!!!!!!
Que curioso…. De uns tempos para cà vi tantas chamadas para esta praia que fiquei muito curiosa. Sou branquinha demais…. e pro meu azar, tenho alergia ao sol e o sal da àgua. Praia me encanta a distancia, pela sua beleza! Mas minha atração é mais pelas fotos. Apesar disso, esse lugar me encantou demais. Quero ir e espero ter a sorte de conseguir ir em baixa temporada. A praia estava vazia!
Outra coisa que me chamou a atenção è o nome da praia, pois Navagio parece ser uma palavra italiana, mas não é! E eu não curti aquele navio na beira da praia. Perdeu para mim o encanto, mesmo que remeta ao nome do lugar! Essa praia deveria se chamar Paraiso!
😉

Klécia disse:

Ju, também percebi que Navagio explodiu no gosto dos viajantes esse ano! Acho que foi o efeito promoção da Alitalia, que me levou pra Grécia esse ano também 🙂 A praia é mesmo incrível né? Tive a sorte de pegar a agua nem tao gelada e a praia não tao cheia – os mistérios dos poucos dias que antecedem a alta temporada. O navio é mesmo um contraste… Tem quem ame, tem quem odeie. Eu achei curioso, provocativo. E sim, Navagio tem tudo de paraíso!

A Toca disse:

Realmente é muito bonita!

Klécia disse:

Ela é incrível demais! Obrigada pelo comentário!

yurischuab disse:

QUE SONHO! Consigo imaginar o quanto deve ser incrível, já adicionei essa praia a minha Bucket List, espero muito muito conseguir visitá-la um dia!
http://www.sextadimensao.com/

Klécia disse:

Ela é mesmo incrível, Yuri! Espero de coração que você conheça um dia! Todo mundo devia ver Navagio ao vivo uma vez na vida 😀

oi Klécia… se pelas fotos este não parece um lugar real, fico imaginando o que não deve ser estar inserida neste contexto! Esta água azul, esta areia branca… não sei me remeteu àquela belíssimas propagandas de perfume, aos Goonies ou a Piratas no Caribe! 🙂 Sim, porque este navio gasto pelo tempo e pela salinidade é o toque de charme a mais. Como se esta praia precisasse!

Em tempo: as fotos estão belíssimas!!! Especialmente a que você está boiando. Uma coisa meio Vogue!!!! Ah! Chegar de barquinho, contornando encostas e o belo relevo foi um temperinho a mais, não?! beijocas

Klécia disse:

Obrigada pelo carinho, querida Ana! Especialmente pelo toque Vogue que você viu nas minhas fotos! E sim, Navagio é surreal. Ver ao vivo foi uma emoção pra levar pra sempre! Que lugar! <3

Viajento disse:

Fotos lindíssimas! O que eu mais gosto de ler em blogs de viagem são essas experiências em lugares não tão explorados, que inspiram novos passeios!

Klécia disse:

Vamos descobrir o mundo então! Também adoro explorar lugares novos e vem tudo parar aqui no Fui Ser Viajante 🙂

Turisteiro disse:

Coincidentemente acabei de chegar de lá e assino embaixo de tudo que você falou! Fiquei ainda muito impressionado como a ilha é bem mais acessível (em termos de preços) do que as badaladas Mykonos e Santorini. Abs

Klécia disse:

Não é mesmo maravilhosa? E Zakynthos virou minha ilha favorita também, por preço e por lindezas 🙂

Que praia sensacional!! Sempre vi essa vista e tinha a identificação com Zakynthos, que é a localidade, e é legal saber que se trata de Navagio Beach. Parabéns pelo post, muito bom!

Klécia disse:

É maravilhosa, não é mesmo?! E Zakynthos também! =D

itamarjapa disse:

Confesso que já tinha visto muitas fotos desta praia, lá de cima, mas até hoje ainda não tinha lido nada a respeito e não lembro de ter visto fotos da praia lá em baixo! Que maravilha de lugar! Espero ter a oportunidade de conhecer um dia! Realmente fabulosa!!! Parabéns pelo post!!

Klécia disse:

Torcendo pra voce desembarcar por lá qualquer dia desses, Itamar! 😀

É um azul tão absurdo que dá sempre essa impressão que é photoshop, né? Digna de caribe, uma coisa maravilhosa!

Adorei o post e morro de vontade de conhecer!

Klécia disse:

É um azul espetacular! Que saudade que dá! <3

Edson Jr disse:

Olha essa água, que qué isso!? Rs… não tem jeito, é o que mais vai nos chamar atenção, né… muito bom post.

Klécia disse:

Eu totalmente entendo, Edson! Não tem como olhar pra outra coisa! ;D

fabianaoliv disse:

Adorei o seu post. Rico em detalhes. Parabens.
Morro de vontade de conhecer a Grecia, e esta praia vai pra listinha.

Klécia disse:

Coloca mesmo na listinha, que super vale a pena, Fabiana!

Tatiana disse:

Klécia, que lugar incrível!
Essa cor da água é sensacional! Impressionante!!!
A gente olhando as fotos acha que foi usado filtro sim, mas que bom que elas são assim, mais uma razão para entrarem na minha wishlist.
Adorei a matéria e fiquei louca para conhecer.

Klécia disse:

São assim mesmo, Tatiana: maravilhosas demais! 🙂

Simone Hara disse:

Que praia espetacular! Não sei se é a mais bonita do mundo, mas me espantaria alguma mais perfeita que essa! A cor da água é inacreditável!
Amei o post!

Klécia disse:

Eu também nao vou fechar como a mais linda ainda não… Ainda tenho praia demais pra conhecer, vai que né? Mas que vai ser difícil ganhar de Navagio, Ah, vai! 😀

Passada com a beleza de Navagio Beach, o seu texto está muito emocionante deu pra sentir as suas sensações e essas fotos falam por si só não é mesmo? Lindo demais.

Klécia disse:

É verdade, Deisy, as fotos falam tudo! Saudades de Navagio 🙂

Nossa, já sou louca para conhecer Navagio e vocês ainda publicam essas fotos incríveis, ferrou! haha!
Sou apaixonada pela Grécia, conheci algumas cidades mas vacilei em não incluir Zakynthos!
Adorei o seu relato sobre quando você viu o penhasco, senti o mesmo em Santorini, exceto que a água não era nem de perto tão clara! rsss
Achei também muito legal esse lance do nome da praia, não fazia ideia!
Show o post, valeu por passar um pouquinho do que é esse paraíso! =)

Klécia disse:

A água de Santorini é maravilhosa também, né? Aquele azul profundo e tão lindo! Cada cantinho na Grécia tem sua beleza! A de Navagio é uma beleza azul turquesa linda! 🙂

Klécia que incrível esse lugar! Da pra sentir a sua empolgação e sua alegria de realizar esse sonho, confesso que esse destino também virou objetivo de vida.

Tenho a minha lista que não para de crescer, mas Navagio Beach com certeza já saltou muitos destinos e entrou para o topo da lista.

Você tem certeza que não tem Photoshop? rsrsrsrs é muito surreal essa água, essa praia, esse lugar! =D Eu nunca tinha ouvido falar e já amei o lugar! Ainda mais pelo fato de ir na contra mão dos destinos populares da Grécia, acredito que esses lugares escondidos são os verdadeiros tesouros que temos que explorar no mundo.

Obrigada por me apresentar Zakynthons! Quando eu for eu volto para contar 😉