O que fazer em Haia, Holanda: guia completo da cidade

O que fazer em Haia Holanda | The Hague em inglês, A Haia ou somente Haia em português, Den Haag ou ainda ‘s-Gravenhage para os holandeses. Não me lembro de conhecer uma outra cidade com tantos nomes diferentes!

Haia, essa cidade holandesa com tantos nomes é um dos destinos favoritos de bate-e-volta a partir de Amsterdam, já que é bem facinho de chegar lá de trem (1 hora de deslocamento e só € 11,80 de passagem).

Nós passamos pela cidade durante nossa road trip pela Holanda e gostamos tanto que ficamos não só um, mas 2 dias em Haia!

Se você está se perguntando o que fazer em Haia, ou ainda porque incluir a cidade de Haia no seu roteiro da Holanda, você veio ao post certo! Estamos aqui pra te dar motivos – vários – para conhecer e se apaixonar por Haia!

Haia, Holanda: conheça o destino

Haia é a terceira cidade mais populosa do país, sede do governo e da monarquia na Holanda – apesar de não ser a capital de fato dos Países Baixos, que é Amsterdam.

Sabe aquela cidade grande, que te oferece muitas opções turísticas, mas ainda tem aquele charme de cidade do interior?

Assim é a cidade de Haia na Holanda: linda, organizada, cheia de atrações bacanas, mas uma cidade bem menos eufórica que Amsterdam – o que eu achei incrível.

Reserve seu hotel em Haia Holanda com descontos do Booking.com

Depois de levar um tempo tentando me adaptar com a ‘vida louca vida’ da capital da Holanda, adorei relaxar por uns dias na vida sem pressa de Haia.

Esse post vai te contar as principais atrações de Haia, assim eu te ajudo a planejar um roteiro bacana (para bate-e-volta ou muito mais).

E talvez, só talvez, você se apaixone pela cidade holandesa de mil nomes, igual aconteceu comigo!

O que fazer em Haia, na Holanda

Pra ler ouvindo: Você sabia que a música Viva La Vida, do Coldplay, teve um videoclipe gravado em Haia? Foi em 2008, com direção do famoso cineasta e fotógrafo holandês Anton Corbijn, que já dirigiu clássicos como ‘Enjoy the Silence’, do Depeche Mode (1989) e ‘Eletrical Storm’, do U2 (2002).

Inclusive, Viva la Vida foi gravado como uma homenagem a Enjoy the Silence. No clipe, dá pra ver vários lugares icônicos de Haia Holanda.

O que fazer em Haia, Holanda: principais atrações

Em um dia, você consegue encaixar a maioria das atrações de Haia que vamos falar aqui nesse post.

Com mais tempo na cidade, você pode planejar um roteiro menos apressado, curtir a praia (isso mesmo, a cidade de Haia tem praia!) e curtir as delícias da gastronomia holandesa.

Vem conhecer Haia com a gente, com essa lista caprichada sobre o que fazer em Haia na Holanda.

Se impressionar com a arquitetura do Het Binnenhof

A arquitetura da Holanda é de emocionar. Todas as cidades que passamos pelo país (foram quase 10) pareciam fazer parte de um quadro, uma obra-prima de algum artista genial que combinou canais, flores e casinhas de tijolos aparentes.

Het Binnenhof - O que fazer em Haia, na Holanda

Pra começar uma visita em Haia, dê uma passada no Het Binnenhof para se impressionar logo de cara e entender o que eu estou falando.

O Binnenhof é um conjunto de prédios construídos no século XIII, que fica bem no centro da cidade, ao lado do lago Hofvijver. Lá funciona a sede do Parlamento Holandês – e é somente a casa parlamentar mais antiga em funcionamento do mundo!

No pátio interno, fica o Ridderzaal, o antigo salão dos cavaleiros. Você também vai ver um lindo castelo gótico, que já foi residência do Conde da Holanda, além de fontes, torres e arcadas, que vão render lindas fotos e te fazer sentir num conto de fadas!

Visitar o Museu Mauritshuis e ver um pedacinho do Brasil na Holanda

Bem ao lado do Het Binnenhof está um dos principais museus de Haia.

O Museu Mauritshuis, ou ‘Casa de Maurício de Nassau’ é um pequeno mas impressionante museu que funciona no antigo palacete / residência do Conde Maurício de Nassau, governador das Índias Ocidentais.

Museu Mauritshuis - O que fazer em Haia, na Holanda

Quem gosta de história e já estudou o período holandês no Brasil, com certeza não esquece esse nome! Eu como boa pernambucana, um dia moradora da antiga Cidade Maurícia, hoje Recife, não ia até a Holanda sem visitar o Mauritshuis!

Primeiro, a arquitetura é linda. Segundo, a vista do lago Hofvijver pelas janelas do Mauritshuis é inesquecível. Terceiro, o museu é pequeno, o que na verdade é uma grande vantagem – você pode conferir toda a coleção sem pressa!

Falando em coleção, não deixe de ver os cenários do Brasil Holandês retratados nos quadros de Frans Post, no segundo andar. Lembra dele quando visitamos o Instituto Ricardo Brennand, em Recife?

Pernambuco tem a maior coleção de Frans Post fora da Europa, e aqui em Haia você pode ver mais algumas obras do artista holandês que acompanhou Maurício de Nassau na expedição para as Índias Ocidentais.

E mais importante de tudo: não perca a grande estrela do museu, A Moça com Brinco de Pérola, obra-prima do pintor holandês Johannes Vermeer, que também está em lugar de destaque no segundo andar do Mauritshuis.

Quanto? € 15,50. Veja mais informações no site do Museu Mauritshuis.

Tomar uma cerveja e curtir a beleza da Het Plein

A praça principal de Haia (Het Plein) fica logo ali, a poucos passos do Mauritshuis. Ela é cercada por prédios históricos, cafeterias e restaurantes.

Tá aqui um lugar que não pode ficar de fora da sua lista de atrações com o que fazer em Haia!

O que fazer em Haia na Holanda

Quando passamos por lá, fazia um dia de sol lindo e escolhemos uma mesa ao ar livre em um dos vários quiosques da praça. O movimento não parava, foi ótimo ver a cidade acontecendo em tempo real.

Nesse dia, demos a sorte de ver um encontro nacional de Urban Sketch, com várias pessoas sentadas pela praça, com um bloco de desenho fazendo esboços da arquitetura de Haia com lápis e caneta (conversei com um dos artistas, ele me passou o perfil do Facebook onde eles publicam as obras).

Esse foi um dos melhores momentos de nossa viagem a Haia. Cervejas, boa comida e uma chance de curtir a cidade acontecendo diante dos nossos olhos. Sem pressa, sem nóia ou correria. Do jeito que a gente adora viajar.

Ver o Palácio Real e as lojas ostentação em Noordeinde

Depois dessas três atrações super coladinhos uma na hora, chegou a hora de caminhar um pouco por Haia. Passe pela rua ao lado do Mauritshuis, para contornar o lago Hofvijver.

Lá do outro lado, não esqueça de fazer uma parada e olhar pra trás: a vista da Casa de Maurício de Nassau, ali do outro lado do lago, é de suspirar (tanto de dia, quanto de noite!).

O que fazer em Haia, na Holanda

Uma caminhada de dez minutos te leva até o Palácio Noordeinde, um dos quatro palácios oficiais da Família Real Neerlandesa. É bem ali que o Rei Guilherme Alexandre trabalha!

A parte chata é que nossa visita ao palácio acaba no portão, já que as visitas ao interior do prédio não são permitidas.

Mas com sorte, quando estiver por lá, pode passar uma carruagem (wow!) – e você quem sabe ganha um tchauzinho da realeza. Não custa sonhar, vai?

Palacio Nordeeinde - O que fazer em Haia, na Holanda

Mas tem muito mais para aproveitar por ali: os jardins do palácio foram transformados em um parque aberto ao público (inclusive, Haia é considerada ‘a cidade mais verde da Europa’!).

A entrada fica bem em frente ao Palácio Noordeinde e a área é ótima para relaxar ou fazer um piquenique.

Outra atração por ali é a própria rua Noordeinde, repleta de galerias de arte, lojas de grife, restaurantes e todo tipo de glamour que o dinheiro holandês pode comprar.

Se impressionar com a maior pintura panorâmica da Europa: Panorama Mesdag

Basta seguir até o final da rua, quando a Noordeinde vira rua Zeestraat. Ali você pode visitar o Panorama Mesdag, possivelmente a obra mais impressionante do pintor holandês Hendrik Mesdag.

Prepare-se para se impressionar: uma única tela dá uma volta de 360 graus na sala, dando a impressão ao visitante de que ele está no topo de uma torre, observado Scheveningen, a praia de Haia, num cenário do final do século XIX.

Pasmem: Panorama Mesdag foi concluída em 1881 e permanece como a maior pintura circular da Europa!

Sim, eu sei: ainda não falei nada sobre praias em Haia. Eu também fiquei surpresa ao descobrir que essa simpática cidade holandesa não vive só de canais, mas também é banhada pelo mar.

Um pouquinho de calma, já já falaremos sobre a praia de Haia e porque conhecer o mar do Norte deve entrar para sua lista do que fazer em Haia.

Quanto? € 10,00. Veja mais informações no site do Panorama Mesdag.

Pendurar um desejo na árvore do Palácio da Paz

Saindo do Panorama Mesdag, mais dez minutos de caminhada te levam até o Palácio da Paz de Haia, ou Vredespaleis em holandês. Sabia que Haia é considerada a cidade internacional da paz e justiça?

Palácio da Paz - O que fazer em Haia, na Holanda

Esse palácio, além de lindo, abriga a sede de Direito Internacional, o Tribunal Internacional de Justiça (principal órgão da ONU) e o Tribunal Permanente de Arbitragem, além de muitos outros órgãos de importância internacional.

Na maioria dos dias, só é possível espiar o Palácio da Paz em Haia pelas grades do imenso portão de ferro.

Mas em alguns finais de semana do ano e durante algumas semanas do verão, é possível visitar o interior do Palácio da Paz, em uma visita guiada (agendada pelo site, ao preço de € 9,50).

Para quem não tiver essa sorte, é possível conhecer o centro de visitantes e ter uma boa perspectiva sobre a história e importância do lugar.

Lá também está uma árvore dos desejos, onde podemos pendurar nossos votos. A gente deixou o nosso pedido por lá! 😉

Ver a Holanda em Miniatura no Parque Madurodam

Ao lado do Palácio da Paz está o Parque Sorghvliet, outra enorme área verde de Haia. Dentro do parque está o Madurodam, um parque de miniaturas ótimo para passear com crianças – e adultos também.

Madurodam - O que fazer em Haia, na Holanda

O tema por aqui é Holanda. Você verá vários cartões-postais do país em formato de maquetes muito bem construídas!

Muitas peças tem movimento, o que deixa tudo bem mais divertido ao ver os trens cruzando as mini-ferrovias e os aviões decolando do mini-aeroporto.

Quanto? € 14,50. Veja mais informações no site do Madurodam.

Curtir um beach club em Scheveningen, a praia de Haia

E depois do parque, lá estará ela: a praia de Haia! Eu fiquei surpreendida de verdade com a estrutura de Scheveningen, já que ninguém nunca me recomendou visitar a Holanda por conta de suas praias!

Scheveningen - O que fazer em Haia, na Holanda

Por lá, tudo acontece: o bairro é super movimentado, com vários restaurantes, casas coloridas, pessoas passeando com seus cachorros e muitas bicicletas (claro!).

Na praia, os beach clubs tomam conta da região – são muitos e super badalados!

Também há barraquinhas de praia mais ‘em conta’, onde você pode pedir o haring (arenque) ou o kibbeling (pedaços de peixe frito), lanches tradicionais holandeses, servidos bem ali na beira do mar do norte!

Ali na orla ainda está localizado um hotel de cair o queixo: o Kurhaus of Scheveningen, uma das arquiteturas mais impressionantes de Haia.

Ah, Scheveningen ainda tem um lindo píer (um dos mais bonitos do mundo!), com lojas, restaurantes e uma roda gigante de 50m, bem na cara do mar gelado da Holanda!

Comida e cerveja em Haia

Se você procura um bom lugar para comer e beber em Haia, seu lugar é o Grote Markt.

A antiga praça do mercado de Haia está cercada de restaurantes e bares, e a noite o lugar ferve de locais e turistas em busca de gastronomia e diversão. 

Outra dica gastronômica imperdível a gente já comentou mais acima: experimentar os peixes frescos na beira da praia de Scheveningen.

Se você procura uma culinária mais exótica, uma boa opção é tentar um dos restaurantes de China Town, um dos bairros mais originais que você vai encontrar em Haia.

Para dicas de onde beber cerveja artesanal em Haia, vamos preparar um post específico só pra contar todos os lugares e cervejas incríveis que descobrimos!

O que fazer em Haia: outras dicas!

Outra forma de conhecer Haia é com o Ooievaart, um passeio de barco pelos canais da cidade. O passeio pode ser realizado em qualquer época do ano.

Enquanto o barquinho navega pelos canais, o guia vai contando histórias sobre a cidade.

O que fazer em Haia, na Holanda

Um outro lugar glamuroso que adoramos conhecer em Haia foi a Haagsche Passage, o mais antigo centro de compras da Holanda, que tem uma arquitetura que é pura ostentação.

As lojas também fazem jus a toda essa riqueza – joalherias, moda, arte e uma enorme loja de utensílios de cozinha que é o sonho de qualquer mortal.

Mesmo se você não pretende fazer compras em Haia, vale o passeio pra dar uma espiadinha!

Pra quem quer mais passeios culturais em Haia, pode conhecer o Escher in het Paleis, que traduzido seria algo como Escher em seu Palácio.

Um museu dedicado a obra de Maurits Cornelis Escher, um artista gráfico holandês que foi mestre na criação de ilusões de ótica e imagens absurdas. Pra ficar melhor, o museu funciona dentro de um antigo palacete da família real, lindo de viver!

Quem visitou e contou em detalhes como é a visita ao museu Escher in het Paris foi a Ju, do blog Turistando.in.

Outro museu de destaque em Haia é o Gemeentemuseum Den Haag, ou Museu Municipal de Haia, que possui a maior coleção de Mondrian do mundo (o pintor holandês pioneiro na arte abstrata, que ficou conhecido como um dos melhores artistas o século XX).

Tudo num prédio de arquitetura Art deco maravilhosa – o Berlage!

Você também pode sair um pouco do circuito tradicional e visitar as igrejas mais famosas de Haia, Nieuwe Kerk e Oude Kerk.

A igreja nova e velha de Haia, respectivamente, tem uma arquitetura linda e merecem uma visita. E se você procura um parque de diversões pra levar a família, Haia também tem!

Ele se chama Drievliet e tem atividades para todos os gostos, com brinquedos e shows.

Planeje sua viagem para Haia:

Quando visitar Haia

Haia não é uma cidade de temporada. A cidade tem atrativos para todas as estações do ano, todos os dias da semana. Vamos ver alguns destaques do ano:

O que fazer em Haia, na Holanda

No inverno, vale espiar o Ano Novo em Scheveningen – um monte de holandês doido, caindo na água gelada do mar do norte, no tradicional mergulho de Ano Novo – Haia tem o maior evento do país!

Na primavera, os turistas chegam em massa, atraídos pela temporada das flores na Holanda. Os beach clubs começam a bombar em Haia e os dias de céu azul levam as pessoas para as mesas ao ar livre da Plein e do Grote Markt.

Com a proximidade do verão começa a temporada dos festivais – só de maio a junho, são mais de 30 espalhados pela cidade! No verão, as praias são um prato cheio para um dia de diversão no mar do norte.

Os meses do outono, com as temperaturas amenas, são um ótimo período para curtir a Haia mais cultural, com museus e mais uma rodada de festivais (de música e literatura).

Para ver a programação de eventos e exposições em Haia, consulte o site This is Den Haag.

O que fazer em Haia, na Holanda

Onde ficar em Haia

Com tanta atração bacana, já deu pra perceber que Haia merece mais que um bate-e-volta! Se você tiver a chance, experimente a vida noturna de Haia, com pelo menos uma pernoite na cidade!

Assim você também ganha tempo para explorar mais atrações! Olha aqui algumas opções bacanas de hospedagem em Haia:

Hostel The Golden Stork

Um hostel muito charmoso, que compensa a pequena distância do centro com um atendimento de primeira e um bar / cafeteria digno de Pinterest.

Banheiros compartilhados estão disponíveis para todos os quartos (dormitórios mistos de 15, 8 e 6 camas e dormitórios femininos de 8 camas). Um ótimo custo-benefício em Haia.

Diárias a partir de € 24,00. Veja mais e reserve sua estadia no Hostel The Golden Stork.

Youth Hostel The Hague

Essa foi nossa escolha em Haia. Um hostel super organizado, com um staff bem atencioso. Fica bem pertinho da Grote Markt e a uma curta caminhada do Binnenhof. Há um estacionamento municipal (pago) ali pertinho.

O hostel não tem elevador e os quartos ficam em cima de um bom lance de escadas. Existe opção de dormitório misto, dormitório feminino e quarto com duas camas de solteiro.

Os banheiros compartilhados eram bem limpos e confortáveis. No térreo, funciona um bar muito bacana, The Gekke Geit, frequentado e indicado por muitos locais e com vários eventos nos finais de semana.

Hóspedes ganham um drink de boas-vindas no bar!

Diárias entre € 50,00 e € 100,00. Veja mais e reserve sua estadia no Youth Hostel The Hague.

Ibis Den Haag City Centre

Bem no centro de Haia, você vai ficar a 450 metros do Binnenhof. O padrão Íbis você conhece né?

Não importa o lugar do mundo, a gente sabe o que nos espera! E estando ali no centro, fica fácil usar o transporte público para qualquer parte da cidade!

Diárias entre € 100,00 e € 150,00. Veja mais e reserve sua estadia no Ibis Den Haag City Center.

‘t Goude Hooft

Hotel de luxo no centro de Haia, a poucos metros do Binnenhof. As suítes oferecem uma linda vista da cidade, além de TV, ar-condicionado, uma pequena cozinha e banheiro privativo com banheira de hidromassagem.

Diárias a partir de € 300,00. Veja mais e reserve sua estadia no ‘t Goude Hooft

Ainda não se decidiu? -> Pesquise aqui outras ofertas de hospedagem em Haia!

Ingressos de atrações em Haia

Compre com antecedência e garanta os ingressos da sua viagem para Haia Holanda:

Seguro Viagem para Europa

Não esqueça que o seguro viagem é obrigatório para toda viagem para a Europa. Você precisa escolher um seguro com cobertura mínima de € 30.000,00.

Na hora de fazer a compra de seguro viagem, eu sempre uso o site da Seguros Promo. Esse site funciona como um comparador de preços entre as seguradoras.

Basta colocar o destino e as datas da sua viagem, que você descobre facilmente qual o seguro que oferece o melhor custo-benefício pra você.

> Faça uma cotação com a Real Seguros e aproveite o super desconto de até 16% no seguro viagem (11% OFF pelo link + 5% de desconto para pagamento em boleto).

Se você não entende muito bem como funciona o seguro viagem, pode ler mais sobre Seguro Viagem aqui no site.

Onde fica Haia? Como chegar e dicas de transporte público

A cidade de Haia está localizada na parte oeste do país, na província da Holanda do Sul.

Você pode chegar a Haia de carro, de ônibus ou de trem. Para quem vai de trem, saindo da estação Amsterdam Central, você chega na cidade de Haia com aproximadamente 1 hora de viagem.

Como íamos rodar outras regiões do país, escolhemos viajar de carro, com ajuda do GPS.

Tanto para quem vem de Amsterdam quanto de Rotterdam, as rodovias de acesso a Haia são excelentes e é muito fácil dirigir na Holanda.

Mas depois de chegar em Haia, praticamente não usamos mais o carro. Fizemos tudo a pé e com transporte público. O carro ficou estacionado numa das garagens municipais.

O preço da diária pode ser bem caro, dependendo do local na cidade. O estacionamento mais barato que encontramos foi o Turfmarkt Parking Garage (Schedeldoekshaven, 204 | € 10,00 a diária). Veja mais sobre como estacionar em Haia.

Existem várias empresas de ônibus que fazem o percurso Amsterdam – Haia, em viagens que duram de 45 min a 1 hora.

O preço das passagens é bem convidativo, indo de € 6,10 a € 9,77. Você pode conferir horários e tarifas atualizadas no site GoEuro.

Para chegar em Haia de trem, também é muito fácil. A oferta de trens é enorme ao longo do dia.

A viagem dura cerca de 1 hora, com bilhetes de primeira classe custando € 20,00 e de segunda classe a € 11,80. Consulte horários e preços atualizados no site da Rail Europe.

O que fazer em Haia, na Holanda

Para se deslocar dentro da cidade de Haia, faça como um holandês e utilize as tradicionais bicicletas!

Você pode alugar uma bike facilmente e a cidade conta com vários estacionamentos exclusivos para ciclistas (gratuitos para a primeira diária, veja aqui!).

Outra opção é o transporte público da cidade, com trams e ônibus da empresa HTM. Você pode comprar um passe com validade de 3 dias (€ 16,50), 1 dia (€ 6,50), ou 1 hora (€ 3,50).

Dentro do período de validade do bilhete, você pode subir e descer nos trams e ônibus da rede pública de forma ilimitada.

É igual ao que você faz em Amsterdam: subiu no veículo, valida a entrada na máquina perto da porta.

Saiu, valida a saída na mesma máquina. O tempo começa a contar a partir da primeira validação. Veja detalhes como preços, linhas e outras modalidades de bilhetes para o transporte público de Haia.

Outros destinos na Holanda

Caso queira combinar sua viagem a Haia com outros destinos na Holanda, a boa notícia é que temos posts de vários outras cidades que visitamos no país.

Visite nosso índice de posts da Holanda e planeje sua viagem completa com a gente!

Lila Cassemiro
Pernambucana, contadora de histórias e bem curiosa. Geminiana apaixonada por artes e culturas, sempre com a mala pronta pra viajar de novo. Eu gosto de gente.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
Camila disse:

Depois do seu post, estou oficialmente apaixonada por Haia! Um bate volta que com certeza vale a pena, a cidade parece ser mesmo muito bonita 🙂

Klécia disse:

É uma lindeza sim! Voltamos apaixonados!

Mariana Bueno disse:

Eu adoro um bate e volta! Quando voltar a Amsterdam, Haia certamente vai estar na minha lista. Amei as dicas de passeios, as fotos, a arquitetura linda… e mais ainda o fato de ter sido cenário desse clipe maravilhoso dessa banda que eu adoro!

Klécia disse:

Também amooo Coldplay 😀

Haia é uma fofura de lugar! Legal saber do acervo que tem esse link com a história nacional! Ótimo post! Abraços!

Klécia disse:

Espero que goste de conhecer Haia, Denise!

Mapa na Mão disse:

Já gostei de Haia ao ver que é grande, mas ao mesmo tempo pacata e tranquila. Que lugarzinho lindo! Adorei! E que pena que não há visitas ao palácio, pena mesmo. Ótimas dicas!

Klécia disse:

Também queria muito conhecer o Palácio por dentro!

Paloma disse:

Adorei a arquitetura da cidade, bem linda e romântica, vou ora Europa ano que vem acho qie vou fazer um bate volta pq gostei muito.

Klécia disse:

Tomara que dê certo, Paloma!

embora nossa passagem por Haia tenha sido de apenas poucas horas, portanto sem nenhuma oportunidade de ir a mais lugares, o centro que conhecemos foi o suficiente para o desejo de retornar. teu post é fantástico, situa bem a cidade e suas virtudes, e esse algo mais que um stop para recuperar energia. maravilhoso, Klécia. abraços.

Klécia disse:

Saudades, amigo Fernando! Espero que estejas fotografando lindos lugares pelo mundo!