7 cidades do Espírito Santo para conhecer – da serra à praia

Seja na praia ou na serra, o que não faltam são cidades do Espírito Santo que valem a pena conhecer. O estado tem um enorme potencial turístico e, embora ainda não seja tão visitado como seus vizinhos Rio de Janeiro e Bahia, está recebendo cada vez mais gente.

Em 2018 foi registrado um aumento de 7% no número de visitantes que escolhem as cidades do Espírito Santo como destino, comparado aos turistas do ano anterior, segundo o Índice de Atividades Turísticas (IATUR).

Os motivos para esse crescimento são muitos (e bem lindos, por sinal)! Além dos 400 km de litoral e dos destinos com muita natureza, as cidades capixabas também possuem atrativos culturais, históricos e gastronômicos, com boa estrutura de hotéis e restaurantes. 

Na capital Vitória do Espírito Santo e na encantadora Vila Velha, que é a cidade mais antiga do estado, estão concentrados alguns dos pontos turísticos mais famosos do estado, como o Convento da Penha – construído no século XVI sobre um penhasco, de onde se tem uma bela vista panorâmica.

Mas o Espírito Santo tem muito mais que isso e merece ser visitado com calma. E por ser um estado pequeno, em poucas horas é possível ir da praia para a montanha ou vice-versa – ou seja, mesmo em uma viagem curta dá para fazer um roteirinho bacana por diferentes regiões.

Ainda não se convenceu? Então veja uma lista com sete cidades do Espírito Santo que valem uma visita – além de Vitória e Vila Velha!

Leia também:
+ O que fazer em Vila Velha, Espírito Santo
+ O que fazer em Vitória, Espírito Santo
+ Cidades românticas para um bate e volta no Rio de Janeiro
+ Cidades românticas para conhecer a dois em São Paulo

Cidades do Espírito Santo para conhecer: indo da praia à serra

Pedra Azul – Domingos Martins

Pedra Azul é uma região que fica no território de Aracê, distrito da cidade de Domingos Martins.

O nome vem da grande pedra que é o cartão-postal da região e que pode mudar a tonalidade dependendo da forma como a luz do sol incide.

Domingos Martins no Espírito Santo
Foto: Vitor Jubini/MTur

Seu principal atrativo é a chamada Rota do Lagarto, que leva ao Parque Estadual da Pedra Azul, uma área que conta com muitas trilhas, cachoeiras, piscinas naturais, mirantes.

E, também, diversas pousadas charmosas, lojinhas, cafés e restaurantes em meio à natureza.

Para quem prefere ficar em um local mais urbano, Domingos Martins é a melhor escolha. Embora pequena e simples, a cidade é bem preparada para o turismo.

Tem colonização alemã, italiana e pomerana, com arquitetura e gastronomia típicas.

Este é o destino ideal para quem gosta de um clima mais frio e é o queridinho dos capixabas no inverno, apesar de receber visitantes também no verão.

O período da floração das cerejeiras, em agosto, deixa o visual do parque ainda mais bonito e atrai muitas pessoas.

Em algumas datas também acontecem festivais culturais na cidade. Tudo isso a apenas 50 km da capital. A melhor forma de conhecer a região é de carro.

A Angie do blog Apure Guria tem um post bem bacana com dicas sobre o que fazer na Pedra Azul, percorrendo a Rota do Lagarto.

Onde ficar em Domingos Martins:

Hotel Fazenda China Park 
Pousada dos Pinhos 
Aroso Paço Hotel 
Pousada Vale Du’Carmo 
Pousada Pouso do Barão 

Santa Teresa

Também pertinho da capital (80 km), Santa Teresa fica em um vale cercado de montanhas na região serrana do Espírito Santo.

Esta é a primeira cidade do Brasil colonizada por imigrantes italianos e é conhecida também como “terra dos colibris”, por ter um grande número de beija-flores.

Entre os principais atrativos estão algumas vinícolas, a Galeria Cultural Virgínia Gasparini Tamanini, o Museu da Cultura e Imigração Italiana, além da Igreja Matriz, praças e construções históricas.

A Casa Lambert, considerada a primeira da cidade, é tombada como Patrimônio Histórico Estadual  e hoje funciona como museu, aberto a visitações.

E o Museu e Biologia Professor Mello Leitão, criado pelo ambientalista Augusto Ruschi no local onde morava, é rico em flora e fauna.

Um dos destaques da cidade fica para a Rua do Lazer, com bares e restaurantes de diversos estilos e para todos os gostos, com mesinhas do lado de fora e um ambiente muito agradável, que nos fins de semana fica lotada de moradores e turistas.

A maioria das opções de hospedagem está fora da área urbana, em sítios ou chalés.

Na região, principal atrativo é o Circuito Caravaggio, com restaurantes típicos, produtoras de licores e vinhos, fabricantes de doces artesanais e outros produtos, além da rampa de onde se tem um belo visual das montanhas. Os mais aventureiros podem fazer voo de parapente.

Onde ficar em Santa Teresa:

Hotel Solar dos Colibris 
Pousada Chalé dos Ipês 
Pousada Chalé da Mata 
Suítes Sítio Arca de Noé 
Chalés Sítio Recanto da Preguiça 

Matilde – Alfredo Chaves

A cidade de Alfredo Chaves também fica na região serrana do Espírito Santo e um de seus principais atrativos é a região de Matilde, com muitas paisagens, belezas naturais, diversas cachoeiras e boa gastronomia. Tudo isso a 90 km da capital. 

Alfredo Chaves - Espírito Santo

É um destino muito procurado por quem quer descansar e aproveitar alguns dias de sossego em meio à natureza, mas também por quem gosta de aventura, já que oferece a possibilidade de praticar esportes como tirolesa, caiaque, rapel, e outros.

Entre as paisagens que mais chamam a atenção estão as cachoeiras, com destaque para a Cachoeira Engenheiro Reeve, hoje mais conhecida como Cachoeira de Matilde. O mirante Vale Santa Maria Madalena é um dos locais mais fotogênicos e mais fotografados do estado.

Na Vila de Matilde é possível visitar ainda a Estação Ferroviária e conhecer um pouco mais sobre a história do local. Lá também tem lojinhas de produtos artesanais e regionais.

E, no centrinho, alguns restaurantes e barzinhos. Mas a maioria dos lugares para se hospedar estão localizados em Alfredo Chaves.

Onde ficar em Matilde:

Pousada Recanto Iza 
Pousada Tia Virgínia 
Hotel Santa Terezinha 
Pousada Fora do Ar 
Pousada do Zezé 

Itaúnas

Famosa pelas dunas de areia e conhecida como a terra do forró pé-de-serra, essa pequena vila fica na região norte do estado, a cerca de 260 km da capital, já quase na divisa com a Bahia, e pertence ao município de Conceição da Barra.

Um lugar simples, com estilo rústico e belas praias de águas mornas e tranquilas. 

O Parque Estadual de Itaúnas é onde ficam as enormes dunas de areia. De lá se vê a praia de um lado, e o rio de outro. É um dos visuais mais bonitos, especialmente no horário do pôr do sol.

Embaixo de tanta areia está a antiga Vila de Itaúnas, que foi soterrada no passado.

Além de ser muito procurada no verão, Itaúnas também recebe muitos visitantes no mês de julho, quando acontece o tradicional Festival Nacional de Forró de Itaúnas (Fenfit), com shows de grandes nomes do ritmo de todo o Brasil, e no Festival Gastronômico em setembro.

Onde ficar em Itaúnas:

Pousada Mirante de Areia 
Pousada Encanto da Vila 
Pousada Vila Morena 
Pousada Holú 
Pousada das Estrelas 

Guarapari

As mais de 50 praias atraem não só turistas, mas também moradores de outras cidades do Espírito Santo que vão para Guarapari.

Fica a menos de 60 km de Vitória e é uma das cidades mais bem estruturadas para o turismo, que gera um grande movimento especialmente durante o verão.

Guarapari no Espírito Santo
Foto:  Marcelo Moryan/MTur

O destino agrada aos que buscam praias mais tranquilas, de natureza preservada, para relaxar, e também aos que preferem um pouco mais de agito ou praias mais urbanas.

Entre os destaques estão a Praia da Areia Preta, Praia de Meaípe, a Praia dos Padres, Praia de Bacutia, Praia Vermelha, Praia do Sul, e muitas outras. Tem muitas opções de pousadas e de apartamentos com aluguel para temporada.

Para surfistas, há praias com boas ondas. Para mergulhadores, praias com águas calmas e cristalinas onde é possível ver peixes, tartarugas, polvos e outras espécies da vida marinha.

Além das praias, possui outros atrativos como a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, as ruínas da antiga igreja de Nossa Senhora da Conceição, e a feira de artesanato.

Onde ficar em Guarapari:

Hotel Pousada Caminho da Praia 
Pousada Doce Vida 
Pousada Blue Marina 
Pousada Enseada do Corsário 
Hotel Nova Guarapari 

Anchieta

No litoral sul do estado, a 90 km de Vitória, fica esta cidade histórica, onde morou o Padre José de Anchieta.

A cidade de Anchieta é também um destino de praias tranquilas e bem bonitas, sendo as mais conhecidas a de Castelhanos, com piscinas naturais, e a de Ubu, que é mais tranquila e bucólica, com mar calmo.

Tem também essa beleza da foto, a praia de Marvila:

Anchieta no Espírito Santo
Foto: Marcelo Moryan/MTur

Outra dica em Anchieta é fazer um passeio de barco pelo Rio Benevente até as ruínas do Rio Salinas, cuja origem e significado ninguém sabe ao certo, mas que são consideradas como Monumento de Valor Histórico e Cultural. 

Na parte central da cidade fica a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção é uma das mais antigas do Brasil. E o Museu Anchieta, que conta mais sobre a vida do Padre, além de ter um acervo com peças arqueológicas, mobiliário antigo e outros itens.

Onde ficar em Anchieta:

Pousada Pau Brasil Ubu 
Pousada Boa Ventura 
Pousada Morada dos Ventos 
Hotel Espadarte 
Thanharu Praia Hotel 

Parque Nacional do Caparaó

Na divisa do Espírito Santo com Minas Gerais fica o Parque Nacional do Caparaó, repleto de muito verde. É onde está localizado o Pico da Bandeira, com quase três mil metros de altitude. Mas não é preciso ser praticante de montanhismo para visitar o Caparaó. 

Outro atrativo que leva muita gente para a região são suas muitas cachoeiras que formam piscinas naturais – a mais famosa é a do Vale Encantado. Também há trilhas e mirantes com vista panorâmica da Serra do Caparaó e região.

Cerca de 80% do Parque fica em território capixaba e o acesso é feito por Pedra Menina, distrito do município de Dores do Rio Preto. Um local muito simples, mas muito acolhedor. A região também é famosa pelo café, vale experimentar.

Onde ficar no Parque Nacional do Caparaó:

Pousada Encanto As Montanhas  
Hospedagem Tia Roze 
Recanto do Caparaó 
Recanto Pedra Menina 
Casa da Montanha 

Deixe uma das cidades do Espírito Santo te surpreender!

Você vai concordar comigo que só tem destino incrível nessa lista! E olha que essas são apenas algumas dicas de cidades do Espírito Santo para conhecer.

Tem muitas outras opções de destinos e roteiros no estado, para todos os tipos de viajantes!

Em muitos dos destinos dessa lista, é possível até mesmo fazer um bate e volta a partir de Vitória. É só escolher se prefere curtir uma praia, conhecer cachoeiras ou visitar destinos na serra.

Conta pra gente: qual cidade do Espírito Santo entrou para sua lista de desejos?

Foto em destaque: Guarapari, por Vitor Jubini/MTur

Redação FSV
Descomplicando a sua viagem e mostrando que dá pra viajar mais pagando menos.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:

Adoro o Pico Da Bandeira. Principalmente adoro Dores Do Rio Preto.
Também adoro Guarapari pelas mais de 05 praias.
Adoro viajar pra Vitória e VV pelo tamanho das praias e pelos mais 200.000 habitan.
Parabéns para Alfredo Chaves e Anchieta aqui no Litoral Sul.
Parabéns para as 07 cidades

<3 amei seu comentário exaltando as belezas do Estado!