O básico de Buenos Aires: roteiro de 3 dias

Buenos Aires roteiro 3 dias | Buenos Aires é um destino fantástico e uma das rotas internacionais mais acessíveis para brasileiros. A “Paris do Sul” é romântica, cultural, ativa, cheia de vida! 

Para quem vai a Buenos Aires pela primeira vez, montamos um roteiro básico com o que fazer em Buenos Aires em 3 dias, incluindo as principais atrações da cidade ( e várias dicas locais para explorar a cidade de um jeito bem especial).

Buenos Aires acaba sendo a primeira viagem internacional de muita gente, pela proximidade e o grande número de promoções de passagens para a Argentina. E é uma viagem que vale muito a pena, porque a capital porteña é uma cidade incrível!

Esse roteiro de 3 dias em Buenos Aires é amor à primeira vista! Cheio de atrações imperdíveis para quem viaja para Buenos Aires pela primeira vez!

Se você já conhece Buenos Aires ou vai ficar mais tempo na cidade, pode também conferir nossas dicas sobre o que fazer em Buenos Aires com roteiros de 5 e até 7 dias na cidade!

São ótimas opções para quem quer ir além do básico em Buenos Aires. Ou para quem visita a cidade pela segunda vez!

Índice do post:
Basta clicar no tópico para ir direto ao assunto que está procurando:

O que fazer em Buenos Aires em 3 dias: dicas básicas

O que saber antes de ir

Buenos Aires é uma cidade para se conhecer a pé. Para descobrir o que fazer em Buenos Aires, coloque um calçado confortável e se prepare para caminhar por ruas cheias de prédios históricos e muito verde!

Nesse roteiro de 3 dias em Buenos Aires, vamos te indicar o básico para uma primeira visita à capital da Argentina. Mas fique sabendo: a cidade de Buenos Aires tem muito mais a oferecer.

Coisas que nem sempre entram nos roteiros clássicos na capital porteña. Como o Jardin Botânico de Buenos Aires, aqui na foto:

Jardín Botanico de Buenos Aires - O que fazer em Buenos Aires - Roteiro de 3 dias em Buenos Aires

Mesmo em um roteiro de 3 dias, com um pouco mais de disposição, você pode “ir além do básico” e incluir outras atrações interessantes e menos conhecidas, que ficam nas proximidades dos pontos turísticos principais.

Pra te ajudar, sempre que houver outro ponto turístico interessante nas proximidades do roteiro, ou a gente tiver mais informações sobre uma região, vamos indicar com uma ★.

Assim você pode incrementar o seu roteiro de 3 dias em Buenos Aires bem do seu jeito!

Ganhe R$ 130,00 de desconto no Airbnb! Se cadastre gratuitamente na plataforma e ganhe o desconto automaticamente na sua primeira reserva! Casas, quartos e apartamentos disponíveis no mundo todo!

Dia 1: Centro de Buenos Aires

O centro de Buenos Aires é repleto de atrações. O melhor é que tudo por lá é plano, é perfeito para uma caminhada.

Se é a sua primeira vez na cidade, você precisa incluir o centro histórico no seu roteiro de 3 dias em Buenos Aires.

Essa é uma das áreas mais bonitas e interessantes da capital argentina. Cheia de prédios conservados, que falam muito sobre o passado da cidade!

Dica esperta viajante:
O centro de Buenos Aires tem os hotéis com preço mais em conta da cidade. É uma boa opção para sua primeira viagem, no entanto, é preciso ficar atento porque a maioria deles tem uma estrutura um pouco antiga.

Quando queremos ficar no centro, geralmente optamos por alugar um apartamento com uma estrutura mais confortável.

Nós indicamos duas opções interessantes no centro de Buenos Aires: o Apart Hotel Argentina (com uma vista maravilhosa da cidade) e o Microcentro Buenos Aires Obelisco, que acomoda até 4 pessoas .

Comece seu primeiro dia em Buenos Aires pela Plaza de Mayo. Essa é a principal praça do centro de Buenos Aires. Foi lá que a cidade nasceu e é pra lá que os hermanos vão quando querem fazer um protesto.

Ao redor da praça você encontra vários pontos turísticos importantes: a Casa Rosada, o Museo del Bicentenario, a Pirâmide de Mayo, o Cabildo e a Catedral Metropolitana.

O Cabildo, Plaza de Mayo - centro histórico de Buenos Aires
O Cabildo

Na Avenida de Mayo, uma rua de importância histórica e cheia de bonitas construções, também está o Café Tortoni, uma das cafeterias mais antigas (e turísticas) de Buenos Aires.

Mais à frente, está a Avenida 9 de Julio, considerada a avenida mais larga do mundo. Nela estão o Obelisco de Buenos Aires e o Teatro Cólon.

Opção de compras em Buenos Aires!

Que tal dar uma paradinha no programa cultural para conhecer a Buenos Aires das compras? 

Ali pertinho você pode visitar as Galerías Pacífico, o shopping queridinho dos brasileiros na cidade. É um prédio muito lindo, que vale a visita mesmo se você não for comprar nada. Tomar um sorvete admirando o lindo teto das Galerías Pacífico já é um programão!

Galerías Pacífico de Buenos Aires - O que fazer em Buenos Aires - Roteiro de 3 dias em Buenos Aires

Saia das Galerías Pacífico e dê uma volta pela rua. A Calle Florida é uma das ruas mais famosas de Buenos Aires quando o assunto são as compras. Artigos de couro, roupas, o que você imaginar!

Se você ainda aguentar mais um pouco de caminhada, termine o dia com mais dois clássicos de Buenos Aires. Ali perto ficam a Plaza San Martín e a Torre Monumental, antiga Torre dos Ingleses.

Confira o mapa de Buenos para você não se perder:

Legendas:
Letras: A – Plaza de Mayo, B – Café Tortoni, C – Avenida 9 de Julio, D – Obelisco, E – Teatro Cólon, F – Galerias Pacífico, G – Calle Florida.
Cores: Vermelho: Casa Rosada, Amarelo: Museo del Bicentenario, Azul: Pirâmide de Mayo, Marrom: Cabildo, Laranja: Plaza San Martín, Verde: Catedral Metropolitana.

★ Dicas extras do centro de Buenos Aires:

– A Casa Rosada oferece visitas guiadas gratuitas durante os finais de semana. Confira nosso post com detalhes do agendamento e como funciona a visita ao interior da Casa Rosada em Buenos Aires.

– A visita ao Museo del Bicentenario é gratuita. Ele fica na lateral da Casa Rosada. No Cabildo, funciona o Museo Nacional del Cabildo y la Revolución de Mayo, que também tem entrada gratuita (com opção de visita guiada).

– O Teatro Cólon é um dos prédios mais lindos de Buenos Aires. É possível fazer uma visita guiada ao interior do Teatro Cólon, por ARS$ 800 (abril/2019).

– Por conta do movimento, é bom ter cuidado com pertences nas ruas mais cheias de Buenos Aires, como a Calle Florida. Também evite fazer câmbio clandestino pelas ruas. Procure sempre casas de câmbio oficiais – evite golpes!

– Quando passar pelo Café Tortoni, pergunte pelo show de tango. Acontece todas as noites às 20h. Nós assistimos e é um espetáculo bem bonito e intimista. O preço sai mais em conta, quando comparado aos outros espetáculos de tango em Buenos Aires.

– O Palácio Barolo também fica no centro de Buenos Aires, e é um prédio muito interessante. Sua inspiração foi o livro A Divina Comédia de Dante Alighieri. Você pode fazer visitas guiadas com agendamento ao Palácio Barolo.

 Outros pontos de interesse nas proximidades do centro de Buenos Aires: Complejo Histórico Cultural Manzana de las Luces, Plaza del Congresso, Monumento a los dos Congressos, Pensador de Rodin, Confiteria del Molino, Paseo La Plaza, Livraria El Ateneo.

Dia 2: Recoleta e Palermo

Recoleta e Palermo são bairros vizinhos em Buenos Aires. Você pode transitar entre eles de táxi / uber, ônibus, metrô e até mesmo a pé!

São bairros nobres e muito charmosos, ótimos para caminhar, apreciar prédios históricos, parques, praças e bons cafés e restaurantes.

Dica esperta viajante:

Há ótimas opções de hospedagem em Recoleta e Palermo. O preço costuma ser um pouco mais alto que no centro, mas essa é uma região mais bonita e com opções diferenciadas.

Veja opções de hospedagem em Buenos Aires nos bairros de Recoleta e Palermo.

Comece o dia na Recoleta, conhecendo a Floralis Generica, a famosa escultura de flor que abre e fecha as pétalas ao longo do dia.

Não faz o estilo de todo mundo, mas o Cementerio de la Recoleta em Buenos Aires é um clássico e uma das atrações mais visitadas da cidade. Um museu a céu aberto (meio macabro, eu sei).

Lá fica o mausoléu de Eva Perón (procure por “Duarte, Eva” no diretório na entrada). Pertinho do cemitério está a bonita Iglesia Nuestra Senora del Pilar e o Palais de Glace, mais uma construção linda de Buenos Aires.

Siga para visitar no Buenos Aires Design, um shopping voltado para o segmento de design e onde também se encontra o Hard Rock Café Buenos Aires e outros restaurantes charmosinhos.

Como opção de almoço, você tem uma diversidade de restaurantes dentro e na área aberta do Buenos Aires Design.

À tarde, siga para Palermo para conhecer os parques mais bonitos de Buenos Aires.

Entre as opções estão: Jardín Botânico, Jardín Japonés, Paseo El Rosedal, Bosques de Palermo/Parque 3 de Febrero, Jardín Zoológico.

Destes, apenas o Jardín Japonés e o Jardín Zoológico são atrações pagas.

Jardín Japones em Buenos Aires - O que fazer em Buenos Aires - Roteiro de 3 dias em Buenos Aires

Para terminar o dia, vá para a região de Palermo Soho, um bairro moderno e divertido com várias lojas, bares e restaurantes interessantes.

A Feira da Plaza Serrano atrai cada dia mais pessoas interessadas em design e moda. Os melhores dias para visitar a feira são os sábados, domingos e feriados.

A feira funciona de quarta a sexta, das 15h – 20h, sábados, domingos e feriados, das 14h – 20h.

Confira o mapa para você não se perder:

Legendas:
Cores: Preto: Floralis Generica, Cinza: Cementerio de la Recoleta, Laranja: Buenos Aires Design, Vermelho: Jardín Botânico, Amarelo: Jardín Japonés, Roxo: Paseo El Rosedal, Verde: Bosques de Palermo/Parque 3 de Febrero, Vinho: Jardín Zoológico.

★ Dicas extras de Palermo e Recoleta:

– Os jardins de Palermo em Buenos Aires são lindos! Temos dicas para organizar sua visita por lá: Buenos Aires ao ar-livre: Um roteiro de um dia pelos parques de Palermo

– No blog Espiando Pelo Mundo, você encontra um texto super explicativo sobre a visita ao Cementerio de la Recoleta. Leia, veja as fotos e entenda como funciona a visita, para decidir se você quer colocar essa interessante e controversa atração no seu roteiro de 3 dias em Buenos Aires.

– Outros pontos de interesse nas proximidades: Hotel Alvear, Museo Nacional de Bellas Artes, Museo Nacional de Arte Decorativo, Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires (Malba), Planetário, Museo Evita, Plaza Francia (onde acontece a feirinha da Recoleta nos finais de semana e feriados).

Dia 3: La Boca, San Telmo e Puerto Madero

No bairro La Boca você encontra duas atrações principais: o Caminito e o Estádio La Bombonera

La Bombonera em Buenos Aires - O que fazer em Buenos Aires - Roteiro de 3 dias em Buenos Aires

O Caminito é um cartão postal de Buenos Aires, bastante conhecido pelas fotos nas fachadas de cores fortes. Vale visitar para tirar fotos e ver os artistas dançando tango na rua (cuidado com batedores de carteira e atenção com os artistas, eles cobram para você tirar foto com eles).

Já o estádio La Bombonera pertence ao Club Atlético Boca Juniors e é o estádio de futebol mais visitado de Buenos Aires. Na visita guiada VIP (mais completa) você visita o estádio, o Museo de La Pássion Boquense e o vestiário dos jogadores.

As duas atrações são bem próximas, um passeio 2 em 1!

Se for um domingo, depois de conhecer La Boca, pegue um Uber até o bairro de San Telmo.

A Feirinha de Antiguidades do bairro acontece somente aos domingos. O ponto de referência é a Praça Dorrego.

Aproveite para tirar uma foto com a carismática estátua da Mafalda, localizada no cruzamento entre as ruas Defensa e Chile, ou seguir procurando as estátuas dos seus amiguinhos, no Paseo de la Historieta.

Termine o dia na parte mais moderna de Buenos Aires: o Puerto Madero. O bairro abriga ótimos bares e restaurantes, além de hotéis de luxo, museus e um cassino.

Passeie pela agradável orla e conheça a Puente de la Mujer (uma imponente construção que gira 90° para dar acesso ao porto) e o Museo-Barco Fragata Presidente Sarmiento.

Confira o mapa para você não se perder:

Legendas:
Cores: Amarelo: Caminito, Azul: Estádio La Bombonera, Verde: Feira de San Telmo, Vermelho: Puerto Madero

★ Dicas extras de Caminito, San Telmo e Puerto Madero:

– Tente chegar cedo ao Caminito para evitar o aumento do movimento ao longo do dia. Lá é possível encontrar lojinhas de artesanato e souvenires com preços interessantes.

Por outro lado, os restaurantes do Caminito costumam apresentar preços mais altos. Existem muitos artistas abordando os turistas pelas ruas no Caminito.

– O Museo de la Pasión Boquense funciona dentro do Estádio La Bombonera, diariamente das 10h às 18h. Nós fizemos a visita guiada no museu mais o tour VIP no estádio e foi uma das melhores experiências em Buenos Aires (se você ama futebol).

Comprando o ingresso na hora, você pode optar por um dos três passeios:

– museu + visita express ao estádio (AR$ 310),
– museu + tour pelo estádio (AR$ 350), ou
– museu + tour guiado VIP pelo estádio e vestiários (AR$ 530).
* Valores atualizados em abril/2019.

Você também pode optar por garantir seu ingresso antecipadamente, ou ainda combinar em um tour a visita aos dois estádios mais importantes de Buenos Aires: La Bombonera e Monumental de Nuñez.

– A feira de San Telmo acontece todos os domingos, das 10h – 17h, na Praça Dorrego e Calle Defensa.

– Outros pontos de interesse nas proximidades: Fundación PROA, Usina del Arte, Hotel Faena, Fuente de las Nereidas.

Um roteiro de 3 dias é suficiente para conhecer Buenos Aires?

Buenos Aires é uma cidade incrível. Cada vez que você visitar a capital da Argentina, vai encontrar novas coisas pra ver e se apaixonar.

Se você planeja uma segunda visita a Buenos Aires ou vai ficar mais tempo na cidade, nós temos outro post para você!

Confira nossas dicas sobre o que fazer em Buenos Aires além do básico. São sugestões para montar um roteiro de 5 ou até 7 dias em Buenos Aires.

Você vai visitar outras atrações interessantes e menos concorridas em Buenos Aires, além de ganhar opções de passeios bate-e-volta nos arredores da cidade.

Dicas de hospedagem em Buenos Aires:

É sua primeira vez em Buenos Aires e você quer economizar? Vou te recomendar o que eu fiz: hospede-se no centro da cidade.

É uma região com uma grande oferta de hotéis, e o preço é bem mais em conta que eu outras regiões da cidade.

Geralmente as pessoas fazem duas críticas quando recomendam você não se hospedar no centro de Buenos Aires. A primeira tem a ver com segurança. É uma região que fica mais deserta à noite, com um aspecto mais “abandonado”, como acontece no centro de muitas outras cidades pelo mundo.

Para contornar isso, recomendo ficar realmente próximo dos maiores pontos turísticos, onde o movimento é maior mesmo à noite. Outra dica é optar pelo táxi / Uber quando for sair tarde à noite.

Outra crítica é quando às instalações dos hotéis do centro, que em geral ficam em prédios bem antigos. Isso é verdade, muitos dos hotéis do centro de Buenos Aires tem décadas de funcionamento.

Para contornar isso, pesquisa bastante! Existem opções que valem a pena no centro, sim! Por exemplo, indico o Claridge Hotel, um 5 estrelas com um preço que cabe no seu bolso (graças à crise econômica na Argentina).

Outras opções interessantes são no centro de Buenos Aires são o 725 Continental Hotel (que oferece transfer do aeroporto para o hotel), e o Park Silver Obelisco, um pouco mais em conta e muito bem localizado, ao lado do Obelisco de Buenos Aires.

Você ainda pode optar por alugar apartamentos, que são uma opção mais em conta especialmente para quem viaja em grupo.

Nesse estilo de hospedagem, o centro de Buenos Aires tem alguns lugares bem interessantes como o Apart Hotel Argentina (com uma vista maravilhosa da cidade) e o Microcentro Buenos Aires Obelisco, que acomoda até 4 pessoas.

Se você estiver disposto a investir um pouco mais para ficar numa área mais nobre da cidade, as melhores opções ficam na Recoleta, Palermo ou até no moderno Puerto Madero.

Veja algumas opções interessantes:

Recoleta: AQ Tailored Suites | Hotel Club Francês

Palermo: CasaSur Bellini Hotel | Magnolia Hotel Boutique

Puerto Madero: CH Madero Urbano Suites | Loft de luxo e bom preço

Quer ver outras opções? Confira todas as ofertas de hospedagem na cidade de Buenos Aires.

Post publicado em: 30 de setembro de 2016
Atualizado em: 19 de abril de 2019

Klécia
Pernambucana radicada no Rio de Janeiro, mas que escolheu chamar o mundo inteiro de lar. Apaixonada pelas estradas e pelos destinos, acredita no poder dos encontros e descobertas de quem está sempre a caminho. O maior sonho? Colocar a mochila nas costas e dar a volta ao mundo ♥
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
Gi disse:

Oi Klécia, tudo bem?
Amei as dicas, quero seguir este roteiro ma,s me diga uma coisa, vocês já utilizaram o Hop on Hop off Bus? Acha que compensa?
Muito obrigada! Abraços!

Rafael Cassemiro disse:

Oi Gi, Nós ainda não utilizamos o Hop-on-Hop-off em Buenos Aires. É uma opção interessante para evitar as caminhadas mais longas entre as atrações/paradas, tendo uma visão geral da cidade, com o áudio-guia contando a respeito da cidade.
Grande Abraço e boa viagem!

Candida disse:

Adorei suas dicas. Parabéns pelo blog.
Vc já foi ao zoológico de lujan? Acha que vale a pena?
Obrigada

Rafael Cassemiro disse:

Oi Candida, tudo bem? Não fomos ao zoológico de lujan, não é o tipo de turismo que fazemos ou apoiamos, desta forma não temos como avaliar.
Obrigado pelo comentário e boa viagem!

kellen disse:

nossa muito legal tuas dicas!!! ameiiiii obrigada!!!!

Rafael Cassemiro disse:

Oi Kellen, que bom que gostou !

Natália disse:

Boa tarde! Ótimas dicas…
Bom, eu vou à Buenos Aires sozinha no final de junho e ficarei 7 dias. Gostaria de saber sobre o clima (temperatura) de lá, quanto eu devo reservar mais ou menos para gastar lá, sugestão de baladas, passeios, etc. Incluí Tigre e Colonia del Sacramento no roteiro, os outros 5 dias, ficarei por BUE mesmo. Poderia me dar alguma outra dica, caso haja?

Obrigada!

Rafael Cassemiro disse:

Oi Natália,
Temos este outro post com outros passeios para incluir em estadias de 5 e 7 dias em Buenos Aires.
No fim de Junho o clima já estará mais frio, pois é inicio do inverno.
O quanto você vai gastar é um item bastante pessoal, mas eu consideraria uns 100 reais por dia para alimentação, e mais o dinheiro para os ingressos de passeios e baladas que você decidir fazer/ir. Infelizmente não fomos a nenhuma balada em Buenos Aires e não temos como te ajudar com essa 🙂
Recomendamos o show de tango no café Tortoni, que é bem tradicional e intimista (e bem menos turistão).
Obrigado pelo comentário e boa viagem!

Antonio disse:

Olá pessoal, tudo bem?
Muito boas as dicas!
Seria pedir demais para vocês compartilharem os mapas? Eu também utilizo o My Maps.
Um abraço!

Klécia disse:

Oi Antônio, tudo bem? Mandamos uma cópia para seu email! Boa viagem, aproveite muito Buenos Aires! 🙂

Jp disse:

Oi boa noite!
Roterio magnifico e copiado… Gostaria de dicas de como se locomover em Buenos A. Uber, transfer, onibus, metro qual mais facil e barato? Do aeroporto EZE para o centro de Buenos Aires as 21h a noite como ir até hotel?

Rafael Cassemiro disse:

Oi Jose Paulo,
Dentro de Buenos Aires fizemos grande parte do nosso roteiro a pé e utilizamos o metrô. Basta pegar uma Tarjeta SUBE (cartão de transporte) em um dos postos de assistência ao turista e recarregar nas maquinas das estações. De Ezeiza para o centro da cidade, há opções de UBER, Cabify, taxi, ou os serviços da Tienda Leon que oferece o serviço de remis (motorista particular agendado para até 4 pessoas e direto para o seu hotel) ou o Ônibus que roda 24hs e com saídas a cada 1 hora do Aeroporto para o terminal Puerto Madero (e de lá completar sua viagem com táxi ou Uber até o seu hotel.
Obrigado pela visita e boa viagem.

Luzia disse:

Vou a Buenos Aires em março de 2019. Vou ficar na Ricoleta. Fico lá 5 dias. Quanto devo levar de reais? E pode me passar um roteiro para esses dias?

Rafael Cassemiro disse:

Oi Luzia, O valor que se deve levar depende bastante do seu estilo de viagem e dos passeios que se quer fazer.
Considerando que o hotel já esteja pago antecipadamente, eu consideraria algo em torno de 200 reais por dia e por pessoa, para alimentação, transporte e ingressos.
Temos este post, com diversas dicas Mini-guia de Buenos Aires: O que fazer, quando ir, onde ficar e mais! e você pode organizar seus 5 dias combinando os itens dos roteiros.
Obrigado pela visita e boa viagem 🙂

Aline DP disse:

Esse post está excelente! Vou ter exatamente 3 dias em BsAs e quero fazer todas as atrações que indicou 🙂
Bjsss

Klécia disse:

Eba! Que bom que curtiu Aline! Sua opinião conta o dobro 🙂
Espero que seja incrível sua viagem para BsAs, é uma cidade que curtimos muito!

Lilian Rachid disse:

Oiiii estou indo a Buenos Aires pela primeira vez em maio…aniversario de casamento…amei todas as dicas… gostaria de saber como ter acesso aos guias turísticos para todas essas visitas.. um abraço

Klécia disse:

Oi Lilian, não entendi. Você quer contratar passeios guiados?

Rosangela disse:

Oi adorei todas as dicas, vou novamente agora no final de dezembro, minhas duvidas sobre o que abre e fecha nos dias 31 de dezembro e 1 de janeiro.Existem ceias de reveillon ou o que fazem no dia 31

Rafael Cassemiro disse:

Oi Rosangela, Em Buenos Aires você encontra vários restaurantes e casas de tango que oferecem festas de réveillon (deve ser reservado com antecedência na maioria dos casos), em Puerto Madero normalmente tem DJ e rola queima de fogos à meia noite. Na Argentina como um todo, quase todas as atrações turísticas estarão fechadas no dia 1° de Janeiro. Podendo usar este dia para visitar os Parques públicos. Obrigado pela visita e boa viagem

Marte disse:

olá estou planejando ir a BA, e pensando em me hospedar em porto madero, como fazer um roteiro de 3 dias a partir dali?

Rafael Cassemiro disse:

Oi Marte, Puerto Madero é um bairro bem perto do centro de Buenos Aires, você pode seguir o nosso roteiro tranquilamente 😉
Obrigado pelo comentário e boa viagem

Excelente roteiro! Eu acho que 3 dias é muito pouco para aproveitar o melhor de Buenos Aires, mas você conseguiu fazer um roteiro bem legal com as atrações imperdíveis da cidade =)

Klécia disse:

3 dias é pouco mesmo! Por isso indicamos um outro post aqui no blog com roteiro para 5 e até 7 dias! 🙂

Estou adorando os posts! Vou para Buenos Aires com meu marido na semana que vem, estou usando muitas das suas dicas para montar o roteiro.

Klécia disse:

Ah que bom Cíntia! Pode falar com a gente se tiver qualquer dúvida e boa viagem pra vocês! 🙂

Adriana disse:

Estou com viagem marcada para Buenos Aires e, até o momento, foi o blog com as melhores dicas que encontrei! O roteiro sugerido é fantástico, tanto que já imprimi e vou adaptar para mim rsrs… Quando eu voltar da viagem (no começo de junho), volto ao blog para contar como foi seguir as suas sugestões.

Klécia disse:

Que bacana ler isso, Adriana! Por favor volta e conta tudo pra gente 🙂

Camila disse:

Poderia passar umas dicas

Rafael Cassemiro disse:

Oi Camila,

Você pode conferir todas as nossas dicas sobre buenos aires nos posts do link abaixo:

https://www.fuiserviajante.com/argentina/

Abraços e boa viagem

Edson Jr disse:

Minha viagem para Buenos Aires não foi muito boa. Muito bom post para me animar a voltar.

Klécia disse:

Poxa, Edson! A cidade é um dos meus xodós, entao só posso te dizer para dar uma segunda chance pra capital portenha! Quem sabe na segunda vez sua experiência seja melhor? 🙂

angiesantanna disse:

ainda não tive a oportunidade de conhecer buenos aires, sei que a galera adoraaa! gostei como separou os passeios e organizou bonitinho para a quantidade de dias! não achei corrido

Klécia disse:

Que bom, Angie! Buenos Aires é uma delicia de cidade, super boa pra caminhar entao o roteiro rola a pé quase todo dia! Tem bastante coisa pra ver, mas é tudo pertinho, entao dá sim pra fazer! E vai logo pra Baires, ela é linda! <3

Oi Klécia!!! Realmente Buenos Aires oferece muitos passeios interessantes. Eu só fiquei um dia lá e quase não conheci nada. Vendo seu post constato que preciso MESMO retornar, he he he… Parabéns! Já salvei seu pin para consultas futuras…
Abraços!
Carolina

Klécia disse:

Obrigada Carolina! Volta lá sim, a cidade é tão maravilhosa que sempre merece mais uma visita!

Camila Lisboa disse:

Fiquei 7 dias em Buenos Aires e não conheci nem metade das coisas que vocês conheceram hahahaha culpa das baladas porteñas que me faziam acordar depois do meio dia todos os dias =P

Klécia disse:

ahahahah As baladas portenhas são boas demais também né? A cidade noturna merece até mais um post 🙂

Taí uma cidade que eu gosto e gosto muito! Vou te dizer! Eu já estive em BUE algumas vezes, mas tem muita coisa que você sugere que nunca fiz. rsrs Roteiros mais que perfeitos e completos!!!!

Tenho duas dívidas grandes com Buenos Aires: nunca ter ido ao MALBA (eu que amo museus) e nunca ter ido ao El Ateno(eu que amo livrarias). Nem tenho explicação para isso! rsrsrs beijocas

Klécia disse:

Eu queria voltar em Buenos Aires sempre! El Ateneo é com certeza um dos lugares mais incríveis do mundo pra mim – e você deve saber bem porque, querida Ana! Beijitos!